Echo-01 - Início.

Ir em baixo

Echo-01 - Início.

Mensagem  Drako em Seg Mar 26, 2018 9:01 pm

Sejam bem-vindos, ao Projeto Senshi. Sou seu Almirante, Gendo Ikari, vim pessoalmente recebe-los, pois soube que se formaram com honras na academia.


Devem saber muito bem a história de nossa organização, mas vou lembra-los de qualquer forma.

Eles vieram do céu, em uma enorme bola flamejante. Ninguém na terra viu o asteroide que iria se colidir com a Terra antes de já estar em cima de nós... algo que todos pensavam ser algo impossível.

Ao entrar na atmosfera, o asteroide se dividiu em incontáveis partes e acertaram vários países ao redor do globo. Os governos rapidamente fizeram ações de reconhecimento, mas o que encontraram mudou a humanidade para sempre.

Dos pedaços divididos do asteroide saíram monstros gigantes que até então só podiam ser vistos em ficção. Os japoneses os chamam de Kaijus. Daí começou uma guerra sem fim, que vivemos até hoje.

A principio usamos de nossas forças bélicas convencionais, mas nada que fizesse realmente efeito. A população em pânico apenas podia rezar por uma vontade maior, algo que lhe desse um pouco de esperanças.

A ONU se reuniu todas os recursos para criar uma nova forma de lutar contra aqueles monstros colossais. Com uma equipe de 300 dos melhores pesquisadores na área de robôtica, liderados por Doutor Temma, um cientista japonês que tinha feito os maiores avanços na área até então, eles criaram o projeto Senshi (戦士). Gigantes robôs do tamanho de arranha-céus feitos com o objetivo de um contra ataque aos Kaijus e assim exterminando-os. Um ano depois o primeiro modelo do projeto foi criado.

Na hora de nomear o modelo, os pesquisadores lembraram que seus inimigos vieram do céu e que as preces dos crentes não foram atendidas, então resolveram pedir ajuda do outro lado, chamando de Devil.

Assim nasceu RX-78-2, o primeiro Devil.


50 anos mais tarde e ainda lutamos contra os Kaijus. Até hoje ninguém sabe de onde eles veem ou onde estão escondidos.

Seu trabalho de agora em diante é exterminar esses monstros a primeira vista, evitando que eles causem mais destruições.

Tem permissão concedida para falar. Contem-me brevemente sobre vocês e estão liberados a fazerem perguntas. Após isso, serão levados aos seus Senshis.

_________________
avatar
Drako

Número de Mensagens : 1894
Idade : 28
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário http://www.ds-club.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Echo-01 - Início.

Mensagem  Wesker em Ter Mar 27, 2018 1:09 am

"Contem-me um pouco sobre vocês e estão liberados a fazerem perguntas."

Era como se o tempo parasse. E tudo na minha cabeça voasse em uma velocidade absurdamente maior.

Na verdade era como se o tempo voltasse. Porque a primeira coisa que eu pensava é que não deveria estar ali.

Mas isso não vinha com a minha voz, vinha com a voz dela.

--------------------------------------------------------------------------



- EU SOU MELHOR QUE VOCÊ ATÉ SEM OS DOIS OLHOS!!

Asuka Langley. Sempre tão simpática. E direta. E explosiva.

A pior parte é que aquilo não era uma mentira completa: Ela poderia ter sido a representante da Alemanha, mas preferiu no lugar disso voltar ao pais onde nasceu e mostrar que era melhor que todos nós. E ela era, praticamente o tempo todo. Alguns apostavam em mim, mas seria burrice não colocar as fichas nela. A garota tinha fortes chances de ser a escolhida, uma rival excelente, apenas um pequeno detalhe poderia resolver qual de nós seria selecionado.

Ou um grande acidente.

Eu não soube muito, apenas que ela tinha sorte em ter sobrevivido, e um olho tinha sido um preço pequeno. Claro que não para ela.

Algo sobre um simulador e uma explosão...Por alguma razão acabei sendo o único no hospital.

Por alguma razão, ela resolveu me receber. Talvez precisasse gritar com alguém.

E independente do que ela dizia... A ONU não corria riscos, eles não queriam uma piloto caolha.

Ela sabia, eu sabia.

Tinha acabado. Nada mais importava. Era uma vitória vazia, mas eu seria escolhido.

Eu sou um soldado. Não tenho "explosões." Ela por outro lado...

- Eu...Eu... - Passado a explosão vinha o silêncio. Eu também não sabia o que dizer, o que fazer.

Ou ao menos como reagir, a medida que a forma que ela encontrava de resolver era me beijando como se fosse a coisa mais lógica a se fazer.

- Apenas...Tenta não estraga tudo...Seu idiota.

------------------------------------------------------------------------

Minha mente voltava. Alguns segundos de silêncio haviam se criado. Os demais deviam estar pensando o que dizer, ou quem iria primeiro.

Não os culpava, não era como se eu pudesse falar tudo que acabara de lembrar.

Muito menos como eu tentei sair pela porta do ARMÁRIO depois do que Asuka fez.

Felizmente eu penso rápido, dando alguns passos para frente. Que ecoavam enquanto ainda mantenho a distância de Ikari.

O primeiro pode ser uma pressão para os outros. Eu estou acostumado.

Uma saudação formal militar. Esperada de alguém da academia falando a alguém de cargo mais alto. Expressão séria. Falava sem aumentar a voz demais, de forma clara.

Eu sou um soldado afinal de contas.

O melhor.

- Almirante Ikari. Eu sou Alex Leyanami, fui escolhido pelo Japão para me juntar as suas forças e continuar zelando pela segurança do planeta e todos que nela habitam. Não tenho dúvidas no momento senhor.

Ele deve saber muito bem quem eu sou, de forma que nada que eu disser sera novo para ele. É apenas mais um teste. Eles nunca acabam.

Da mesma forma, eu sempre gostei de história, e não seria o primeiro da minha classe se não ja soubesse de tudo que ele me disse.

Se não me impedisse, giraria em meu eixo dando meia volta e recuando aqueles 5 passos que havia andado anteriormente, parado entre uma garota e outro piloto, ambos de óculos.

Mas meu olhar se mantinha firme na direção de Ikari.

Atento.


Última edição por Wesker em Ter Mar 27, 2018 12:46 pm, editado 2 vez(es)

Wesker

Número de Mensagens : 32
Idade : 34
Data de inscrição : 08/02/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Echo-01 - Início.

Mensagem  Lib em Ter Mar 27, 2018 8:38 am

Klaus: Sabe porque a Alemanha perdeu a grande guerra? - O homem disse em sua típica voz grave e sem emoção.

Eileen: Não levou casacos o suficiente para a Rússia? - Respondeu sem tirar os olhos do tabuleiro de xadrez à sua frente. Sua voz era a antítese da voz anterior. Era emotiva, afável, mas carregada de uma dose de sarcasmo ligeiramente irritante.

Klaus: Não estou falando dessa guerra. - O homem respondeu irritado. Sua filha tinha um dom, quase sobrenatural, de tirar ele do sério. - A guerra nos céus.

Eileen: Ah! - Ela moveu seu bispo para uma posição ofensiva. Abriu um largo sorriso de satisfeita com a própria jogada. - Essa guerra? Não, não sei.

Klaus: Os americanos e os alemães disputavam os céus durante a segunda guerra. - Ele disse, eu seu tom condescendente a irritava tanto quanto ela o irritava pelo sarcasmo. - Nós, alemães, tínhamos a superioridade por um certo tempo. Pilotos melhores, mais experientes. Verdadeiros heróis de guerra. Os americanos tinham uma estratégia diferente. Quando um piloto completava um número específico de missões, ele era designado para treinar as novas gerações de pilotos, mantendo sempre um nível aceitável de habilidade entre os seus pilotos. A Alemanha achou que ter heróis no front ajudava o moral dos combatentes, e isso até é verdade. Mas há uma constante na guerra: Pessoas morrem. E heróis morrem tanto quanto o resto dos soldados. Quando os grandes combatentes alemães caíram, não tinha ninguém para treinar as novas gerações de pilotos, resultando numa safra de mediocridade que foi varrida pelos americanos.

Klaus fez sua jogada, e foi rápida e mecânica, como se ele não tivesse nem que pensar para executá-la. E o que mais frustrou Eileen, foi que a jogada foi perfeita.

Ela bufou.

Eileen: E você está me contando isso por...? - Ela respondeu franzindo o cenho, tentando enxergar qual seria a melhor jogada para contra-atacar.

Klaus: Por que estamos repetindo os mesmos erros. - O homem cruzou os braços. - Dessa vez com os pilotos de Senshi. Elevamos nossos pilotos ao status inalcançáveis, mas não vejo ninguém se preocupando em treinar as futuras gerações de pilotos.

Eileen: Acha mesmo que vai precisar, pai? - Ela perguntou, tentando esconder que não estava nem um pouco interessada no assunto.

Mais uma vez ela fez sua jogada e, dessa vez, sim, era a jogada perfeita!

Klaus: Já estamos lutando contra os monstros há 40 anos, Eileen. Você nem ao mesmo tem conhecimento de um mundo sem a presença dos Senshi e dos Kaijus. Já está mais do que claro de que essa guerra não vai acabar. Ainda assim, os mesmos nomes que ouvimos hoje são os que eu ouvia há 40 anos. Só que aqueles jovens e bonitos heróis,  hoje são senhores de quase 60 anos. Seus reflexos já não são mais o mesmo, e sua mente também não é mais tão afiada.

Klaus, mais uma vez, jogou sem parecer dar a mínima para a jogada da filha. Preciso, eficiente e cirúrgico.

Klaus: Cheque-mate.

Eileen: O quê?! - Ela exclamou incrédula. Analisou o tabuleiro de um lado ao outro bufou, suspirou, analisou o tabuleiro mais uma vez e, finalmente, derrubou o Rei. - Odeio esse jogo.

Klaus: É... Eu sei...

***

[4 anos depois]

[Hora local 11:52h | Alemanha]

[Noticiário Nacional]

--Isso mesmo, senhoras e senhores. A nação está de luto! Hoje pela manhã, durante um confronto com um Kaiju, o impensável aconteceu, Jörg Schmidel, o lendário piloto do Thor, e o mais experiente piloto de Senshi vivo, morreu, deixando um país de luto. O estrago só não foi maior graças aos esforços das outras nações vizinhas que atenderam ao chamado de emergênci--

[Hora local 16:45h | EUA]

[EVO 2062: Final do Mundial de The King of Senshi Fighters V]

Narrador: E é isso, senhoras e senhores, o evento pelo qual todos nós esperávamos, a final de The King of Senshi Fighters V! É uma grande tarde para a história dos e-sports, porque a competidora  alemã "J@3g3r" vem massacrando seus adversários um por um, e chegou até a final sem perder nenhuma partida, mas agora ela vai encarar o atual tricampeão mundial, ninguém menos que "Hexa-Drestr0yer".

O barulho do local do evento era tão grande que ninguém realmente ouviu quando o helicóptero militar pousou no pátio principal, e quatro homens fardados desceram dele, acompanhados de um quinto homem, vestido de terno e gravata. A multidão vibrava tão loucamente com a vitória esmagadora que a jovem alemã estava impondo ao seu adversário, que nenhum deles reparou quando os militares abriram caminho pela multidão até os competidores. Foi só quando o braço daquela que era aclamada pelo nome de "J@3g3r" foi puxado por um deles que o público presente percebeu que alguma coisa havia acontecido.

J@3g3r: Ei, que ideia é essa?! - Ela gritou para o homem fardado que puxou seu braço.

????: Seu país precisa de você, Eileen. - Disse o homem de terno, saindo de trás dos militares. - O tempo das brincadeiras acabou.

Eileen: Ah, era tudo que eu queria nesse momento... - Ela bufou, e depois completou como se a palavra estivesse entalada em sua garganta. - Pai.

***

[6 anos depois]

[Projeto Senshi]

Almirante Ikari: Sejam bem-vindos, ao Projeto Senshi. Sou seu Almirante, Gendo Ikari, vim pessoalmente recebe-los, pois soube que se formaram com honras na academia. - Disse o homem em um tom formal. - Tem permissão concedida para falar. Contem-me brevemente sobre vocês e estão liberados a fazerem perguntas. Após isso, serão levados aos seus Senshis.

Alex Leyanami: Almirante Ikari. Eu sou Alex Leyanami, fui escolhido pelo Japão para me juntar as suas forças e continuar zelando pela segurança do planeta e todos que nela habitam. - O jovem tinha um tom e uma postura extremamente militares, e isso tirou um pouco Eileen do sério. - Não tenho dúvidas no momento senhor.

O jovem voltou para a fila, com sua postura e atitude impecável.

Eileen Braun: Uau... - Disse baixinho. - Eles não estavam brincando quando disseram que nós iríamos lidar com robôs aqui nesse projeto.

_________________
avatar
Lib

Número de Mensagens : 1500
Idade : 29
Data de inscrição : 27/04/2009

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/phelipe.peregrino

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Echo-01 - Início.

Mensagem  Ricardo Sato em Ter Mar 27, 2018 2:06 pm

13 anos atrás(Enzio-8 anos/Machiel-12 anos)



Enzio-Já vai embora irmão?

Sim, minha presença é necessária na academia.

Enzio-....Vo..você vai para a guerra.

Eventualmente.

Enzio-E não tem medo?

Talvez um pouco Enzio... mas medo não deve impedir que uma pessoa faça o que tem de fazer.Somos Ries, estamos sempre na vanguarda de algo.
Deixar de fazer algo por medo é deixar seu destino nas mãos de outros....isso se alguém tomar a iniciativa de fazer algo, do que adianta ficar paralisado de medo por causa dos monstros, eles sempre estarão lá nos ameaçando....até que alguém os elimine.

Todos temos de fazer a nossa parte pela sobrevivência dos homens, e pelo bem estar e sucesso de nossa família, nossa mãe administra, nosso pai cria, aparentemente meu talento é lutar....logo você vai descobrir o seu lugar.



-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Agora

Machiel Ries, Holanda...é um prazer conhecê-los, minhas dúvidas serão resolvidas com o objetivo da missão, por mim podemos seguir em frente.

Machiel então apenas esperava que as coisas seguissem para sua conclusão....assim como apenas se tornara um piloto porque era o esperado dele, fazer o que se tem que fazer da melhor forma possível, sem faltas e sem exageros, tanto impulsividade e falta responsabilidade demais, quanto zelo desesperado só levavam pilotos a morte e ao contrário dos monstros que não sabemos de onde vem, treinar um bom piloto e fabricar um bom mecha eram trabalhos árduos, longos e custosos.Algo geralmente esquecido pela maioria.

_________________
avatar
Ricardo Sato

Número de Mensagens : 1440
Idade : 34
Data de inscrição : 06/03/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Echo-01 - Início.

Mensagem  Guima em Ter Mar 27, 2018 5:59 pm

Gendou Ikari: Sejam bem-vindos, ao Projeto Senshi. Sou seu Almirante, Gendo Ikari, vim pessoalmente recebe-los, pois soube que se formaram com honras na academia.

Diz o almirante Ikari ao nos receber. Enquanto ele faz um breve resumo da historia recente mundial eu não deixo de notar aquele olhar escondido por detrás do reflexo das lentes de seus oculos. Algo que eu conheço muito bem, e a muito tempo... Ele tem o mesmo olhar severo de Sasha. Sasha Kaidnovsky. A mulher que me tornou o que sou hoje.

Lembro como se fosse agora quando ela entrou naquele orfanato russo para meninas. E escolheu a dedo suas "filhas" eu fui a primeira escolhida. Não sabia o que estava acontecendo, mas qualquer coisa era melhor do que aquele velho orfanato. Não me recordo de nada anterior ao mesmo, talvez essas memorias tinham sido apagadas durante o meu treinamento militar especial que recebi sob o olhar atento de Sasha. A Russia tinha um projeto chamado Ужасный ребенок algo como " As Crianças Terríveis". Tal projeto visava transformar órfãos e garotos de rua em soldados perfeitos e obedientes.

Órfãos eram mais fáceis de se submeterem ao treino e ao programa pelo simples fato de... Bom, de atenção e apoio a um órfão e você saberá do que estou falando. Eles brigarão até a morte entre eles para terem o minimo de atenção da figura paterna/materna. Dez anos de treino da infância a adolescência me tornaram o que sou hoje. Uma cadete recem formada, fria e sem emoções. Coma apenas um objetivo: Eliminar o inimigo em combate. Devo minha vida a Kaidnovsky. E hoje estou aqui para retribuir o favor...

Cadete Helena Konietzsko se apresentando ao serviço, Almirante Ikari. Com vestimentas militares bato continencia ao mesmo. Sem me importar com os outros que estavam na sala.

Guima

Número de Mensagens : 2444
Idade : 33
Data de inscrição : 12/12/2009

Ver perfil do usuário http://www.remistico.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Echo-01 - Início.

Mensagem  Scorpion em Qua Mar 28, 2018 1:31 am

NARVAL OUTPOST - IRLANDA

Os cientistas terminavam os últimos testes na inteligência de Breach Sambora.

General Dougal: Já estamos prontos, senhores? Muito bem... indiquem o piloto.

Major Coulter: Deveríamos estar, senhor, mas... parece que a inteligência artificial está encarando um problema.

Gen: Problema? Qual o seu problema, Major? Acha que sua cabeça funciona melhor que 700 milhões de Terabytes? Nosso governo gastou quase 7 bilhões nessa lata. Boa parte do dinheiro que o Reino Unido nos devia!

Major: Eu entendo, senhor. Porém, não pode estar certo. Se procurarmos mais um pouco...

Breach Sambora: Não há o que procurar. Meus cálculos estão corretos. Eu analisei todos os membros do exército, marinha e força aérea... este homem é o mais indicado para pilotar o Angel. Ele teve 97% de aceitação, enquanto o segundo lugar 78%.

Gen: Você ouviu a máquina, Major. Agora... onde está o meu piloto?

------------------------------------------------------------------------------------------

PRISÃO MILITAR - BELFAST

Ben Nash estava dormindo em sua cela, quando recebeu um balde de água fria. Ele acordou capotando e caindo acocorado no chão, tossindo...

Ben: Mas que merda é essa?!

Major: Levante-se, Tenente Nash! E fale direito com seu oficial comandante!



Ben levantou-se e secou o rosto, ajeitando o grande topete loiro.

Ben: Ah, Major Coulter... Que honra. Não sabia que a senhora fazia visita íntima. Eu estava esperando a Carrie.

Major: Cale a boca, Nash! Vista-se! Você está saindo hoje! Vai pilotar o Angel Irlandês e está atrasado!

Ben: Pilotar? Qualé Meggan...

Major: É Major Coulter pra você, tenente!

Ben: Ok, ok... que seja. Olha... eu não tô afim de brincar de robô gigante com mais um monte de retardados. Eu só quero encher a minha cara e aproveitar o almoço que hoje é picadinho.

Major: Tenente, eu vou ser clara... O senhor está preso porque arrumou uma briga em um bar militar. O senhor quebrou a perna de dois tenentes, o braço de um cabo, enviou dois cadetes para o hospital e quebrou o nariz de um capitão que mandou você parar! Isso é traição! Se você não pegar essa chance, você será fuzilado, entendeu?

Ben: Fuzilado? A parada é séria pelo visto, hein? Pode ser pelo menos depois do picadinho?

Major: Vista-se, Ben! Seu helicóptero sai em 7 minutos...

--------------------------------------------------------------------------

BASE SECRETA ONDE TODOS ESTÃO



Todos iam se apresentando e Ben não dava a menor moral para nenhum deles. A maioria com cara de pirralho e sem o menor jeito para a coisa, ao menos era o que parecia. Ben abriu sua whiskeyra e tomou um gole, atarrachando a tampinha de novo.

Ben: O nome é Tenente Ben Nash, da Irlanda. A minha única pergunta é se alguém tem uma aspirina pra me descolar.

Ele cruzou os braços e esperou o resto.

_________________
avatar
Scorpion

Número de Mensagens : 2517
Idade : 32
Data de inscrição : 04/07/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Echo-01 - Início.

Mensagem  Renata C. em Qua Mar 28, 2018 7:57 pm




"And all I can do is read a book to stay awake
And it rips my life away but it's a great escape"


Como Cassandra havia se tornado a melhor aluna da academia? Bem, da mesma forma que ela havia se tornado a melhor aluna do colegial: tentando passar o mais despercebido dos colegas o possível, com a cara sempre enfiada nos livros... Ainda que não fosse intencional, apenas o jeito tímido da garota que fazia com ela estudasse muito e se destacasse entre todos pelas suas notas. Somente por elas, já que não era exatamente o tipo de pessoa que era convidada pra muitas festas por conta disso. Todos nós sabemos perfeitamente o inferno que pode ser a vida no colegial dos Estados Unidos. Ela não era popular, não usava roupas da moda e ninguém fez com que ela passasse por um "makeover" e se tornasse a princesa do baile de formatura.

Não que ela ligasse muito pra todas essas coisas, já que o objetivo de sua vida era claro: ela queria pilotar um dos mechas e enfrentar monstros. Porque, de alguma maneira que não sabia explicar, desde que vira um hoje antigo robô Devil enfrentando um monstro na televisão, quando ainda era uma criança, descobriu que aquilo era o que ela queria fazer.

E foi para isso que ela estudou todo esse tempo.

Apesar de ser a primeira na academia, foi uma surpresa quando foi convocada como representante de seu país. Simplesmente porque nunca havia estado numa situação real de combate, havia somente passado por todos os treinamentos e simulações que eram bem realistas, mas não eram nada se comparadas a uma luta de verdade.

E agora ela estava ali, diante de todas aquelas pessoas que pareciam ser bem mais experientes que ela e precisava se apresentar.

Sentia vontade de correr dali, mas sabia que não podia mais voltar atrás.

Odiava falar em público. MUITO.

Mas ainda assim, Cassie ajeitou os óculos, e sem se importar com o tom rosado que levemente tingiu suas bochechas, embora só alguém que estivesse prestando muita atenção fosse notar, se apresentou para os demais. O tom de voz era contido, e apesar de tudo, calmo.

Cassandra: Meu nome é Cassandra Harris, sou dos Estados Unidos. Espero poder ser um bom acréscimo às fileiras do projeto Senshi. É uma honra estar aqui, e prazer em conhecê-los.

Mais ou meeenos formal. Por fim Cassie se volta ao lugar onde estava antes, e com o olhar atento ao Almirante Ikari, aguarda mais instruções.

Estava doida pra conhecer o senshi que pilotaria. Mas tentava não demonstrar. Muito.

_________________
avatar
Renata C.

Número de Mensagens : 582
Idade : 32
Data de inscrição : 27/08/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Echo-01 - Início.

Mensagem  Leo Rocha em Dom Abr 01, 2018 7:30 am

Mais uma semana começava e Richardson chegava à academia com uma ressaca fenonenal. Como das outras vezes, ele pegou a grana do pagamento e aproveitou pra rever algumas velhas amigas na zona de baixo meretricio.
Em tempos em que um dragão espacial pode aparecer e destruir tudo, passar umas horas escondendo o tatu na toca não é uma ideia ruim.
Isso ajuda também a lidar com a frustração de não ter ido ainda para o combate em campo. Ele lembra de um papo que teve certa vez com um de seus ídolos, o astronauta brasileiro Marcos Pontes:

Arrow Tu foi o primeiro na academia?

Arrow Fui. Mas até agora nada..

Arrow Que merda hein... Comigo também foi assim.. Mas depois de um tempo eu fui mandado pro espaço.

Arrow E um planeta sumiu...Hahaha

Arrow Babaquice isso...

Arrow Eu sei, mas foi boa.

Arrow Tá... Só se esforça e espera. Uma hora vai. Agora eu posso terminar de mijar em paz?

*****

Arrow E com a colaboração de algumas empresas, conseguimos os recursos pra receber essa belezinha de robô. Então,  você irá hoje mesmo pra sede. Acho melhor tomar um banho antes...

***

Arrow Eu sou o Richardson do Brasil il il.....

Ele espera a reação à piada e ao ver que ela não funcionou, diz:

Arrow Se alguém tiver duas aspirinas, eu acho que também vou querer...

_________________
avatar
Leo Rocha

Número de Mensagens : 4244
Idade : 39
Data de inscrição : 14/10/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Echo-01 - Início.

Mensagem  Wesker em Dom Abr 01, 2018 2:45 pm

Alex permanecia no mesmo lugar, imóvel.

Não parecia ouvir o comentário de Eileen, que não se apresentara, ou não se manifestou a respeito do mesmo. Não importava na verdade.

Na cabeça dele, aquele deveria ser o perfil dos pilotos, afinal de certa forma, eram como soldados.

Entretanto, alguns pareciam mais...Impessoais. Mas ele pouco se manifestava.

Talvez era a forma deles de quebrar a tensão, ou tentarem demonstrar camaradagem ou simpatia.

O fato é que Alex realmente parecia um robo, olhando fixo para Ikari aguardando o próximo comando, sem se manifestar a medida que os pilotos se apresentavam ou a um. No instante que Cassandra terminava de falar, voltava o olhar em direção a ela por alguma razão, como se algo se chamasse sua atenção e parecia não se importar caso fosse notado. Entretanto, nada dizia.

A medida que ela voltava ao mesmo lugar de antes, tão logo ele voltava a sua "postura" anterior ao que o unico piloto que ainda não havia dito nada falava.

Quem diria que o Brasil teria um representante...



Wesker

Número de Mensagens : 32
Idade : 34
Data de inscrição : 08/02/2018

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Echo-01 - Início.

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum