Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Nikita em Sex Maio 19, 2017 10:12 pm

E passaram-se anos para que pudesse finalmente fazer um bom uso de seus poderes! Sim! Ravena buscou os seus pensamentos mais sombrios, utilizando de toda emoção presente naquele momento, ela pode canalizar todo esse poder e retirar as pessoas de lá, mantendo elas em um local seguro.
Irônico para seu pai, herdeira de tanto poder maligno, e esse poder sendo usado para fazer o bem. Pois era isso que ela buscava, a felicidade, fazer as coisas certas, ela almejava a paz.
E então um dos heróis que tentava ajudar gritou:

Lanterna Verde: ATENÇÃO! - Ele anunciou enquanto Budas se materializavam para segurar a estrutura. - A estrutura do edifício está para ruir! Tenho poder para sustentar a construção durante algum tempo. Mas é necessário retirar os populares das imediações o quanto antes!

Ela já havia removido as pessoas próximas e dentro da estrutura, mas o que fariam com o prédio prestes a desabar?
Então lhe ocorreu que provavelmente o prédio não resistiria, mas não sabia os poderes dos demais naquele local. Desta forma, utilizando seu manto negro ainda presente sobre as estruturas, ela abraça o prédio.

- Decidam o que fazer, eu impeço que alguém se machuque!


Caso eles tentem manter a estrutura de pé, Ravena simplesmente vai cuidar que ninguém entre no prédio, e caso eles decidam desabar, ela tentará não permitir que nenhum escombro voe, ou solte e machuque alguém.
avatar
Nikita

Número de Mensagens : 34
Idade : 32
Data de inscrição : 21/04/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Pedro Malasartes em Seg Jun 05, 2017 1:43 pm

Aparentemente, minha súplica teve resultado. Logo o rapaz com o brasão do "S" estampado no peito surgiu para somar forças. Não sei exatamente o que "samaritano" fez, pois me distrair naquele momento custaria a minha concentração, mas notei que a base ficou mais firme após a chegada dele. Enquanto isso, a garota de aspecto gótico retirava os civis nas imediações de um modo pouco ortodoxo. Se meus olhos não me pregaram peças, a garota levou as pessoas para dentro das sombras e então desapareceram para ressurgir metros adiante. Luz e escuridão! Que combinação incomum de poderes! Mas como passei a maior parte do tempo focado na conjuração dos budas gigantes, não vi com exatidão o que aconteceu e talvez tenha somente imaginado coisas. É preciso muita imaginação para fazer o que eu faço...
Independente da interferência das sombras ou não, o importante é que já não havia civis nos arredores do edifício. Então conjurei uma redoma ao redor da área do acidente para impedir que os destroços ferissem civis quando a estrutura inevitavelmente desabasse.

- Escolhemos o que plantar, mas somos obrigados a colher o que semeamos. Pelo visto, Luthor não semeou bons frutos. Que o ocorrido sirva de lição para o futuro!

_________________
avatar
Pedro Malasartes

Número de Mensagens : 45
Idade : 34
Data de inscrição : 23/04/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Gláucio "Speedy" Gonzales em Qua Jun 28, 2017 7:08 pm



"Construindo a Cidade do Amanhã - Parte 4"

Imensos Budas de jade contém o prédio, que graças à solda feita às pressas pelo samaritano Superman, se mostra mais eficiente.
Nesse instante o braço do Lanterna Verde sente um alívio imenso, era como se o seu recente aliado fizesse exatamente o que era preciso e sua concentração para que o prédio permanecesse de pé precisa.

O jovem empresário Lex Luthor em seu helicóptero por pouco não consegue se aproximar ainda por conta da posição do Gavião Negro diante dele, mas dá ordens para que o piloto manobre e esse desvia do herói alado e avança na direção do prédio. Ao que parece a estrutura, assim como todos civis foram salvos e não há mais nenhum robô.

Há um heliporto ao lado de um dos vários prédios do bairro, assim que Lex e seu piloto veem que a situação esta controlada ele sorri e ordena para que o veículo pouse. Em poucos instantes todos heróis avançam voando até onde o jovem que desce e observa com ar sério para baixo onde toda confusão aconteceu.

Raio Negro e Sideral chegam pouco depois do Gavião Negro.
Ravena sente as pessoas se acalmarem lentamente por via de sua empatia enquanto segue Capitão Átomo, Superman e o Lanterna Verde que se aproximam pousando um depois do outro diante do dono dos robôs que eles destruíram agora pouco.
 
Lex Luthor: -Eu não acredito que um terrorista pode chegar a tanto. Eu compreendo que a tecnologia sempre acaba tornando certos trabalhos obsoletos, é o mesmo problema dos luditas quando aconteceu a Revolução Industrial, robôs e automação sempre substituí e potencializa a produção. Nós temos o mesmo problema quando invetamos o Lex Uber com os taxistas, nossa ideia era fazer algo mais fácil para o povo. Com serviços mais baratos para atingir mais e mais pessoas com inovações que liguem todos nós. Eu entendo as criticas,  mas vir agora ameaçar as vidas das pessoas que eles dizem que estão querendo salvar? Isso é algo que eu não conseguia imaginar. Felizmente vocês heróis estavam aqui, sejam quem vocês forem, homens voadores... Eu agradeço imensamente e creio que tenho de descobrir até onde os estragos se estenderam sobre minha empresa... Sou Lex Luthor, meu nome esta ao redor de vocês, devem me conhecer. E qual o nome do time de vocês?

_________________
avatar
Gláucio "Speedy" Gonzales

Número de Mensagens : 2582
Idade : 37
Data de inscrição : 19/01/2008

Ver perfil do usuário http://www.gonzalismoveloz.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Gláucio "Speedy" Gonzales em Qua Jun 28, 2017 11:14 pm


Asas de Gotham - Parte 4

Enquanto o Pistoleiro diante da vigilância tenaz de Grayson tenta rastejar e lutar contra as substancias químicas em seu corpo em uma fuga traje-cômica,  
Helena assiste aos videos gravados pelo seu antigo colega e agente perplexa, a forma como as imagens se embaralham dão a impressão que realmente é um morcego humano, um vulto, ataca os oponentes. Isso pode ser assustador visto por certos ângulos, mas o que mais a preocupa é que não é exatamente uma novidade tal figura.

Bertinelli:37, o morcego humano que você esta vendo é uma lenda urbana nas ruas... Há um registro de uma dona de um cabaré chamada Fish Mooney fez um boletim de ocorrência de um homem com essa fantasia atacando seus seguranças e alguns policiais. Tanto os seguranças quanto os policiais tem passagens por pequenos crimes e contravenções e dizem alguns informantes que ela e seus empregados na verdade trabalham para família Falcone.

***

Alfred:-Não sei se o senhor se lembra, mas me prometeu que a prisão de suspeitos seria obra dos profissionais da polícia. Assim como tenho certeza que na sua principal profissão o senhor bem sabe que não é bom mexer esse ombro para pendurar criminosos inconscientes e feridos.

Thomas posiciona o mafioso que vem procurando à semanas e agora pensa no exímio atirador que o atingiu, e pensa que mesmo com todas as precauções que tomou com tanto gás e a forma como saiu velozmente, ainda assim foi atingido o faz pensar que tipo de pessoa perigosa era o guardião do Pinguim.

Após "ajeitar" seu convidado de cabeça para baixo, Batman se deita de bruços para cirurgia. Alfred rapidamente inicia seu trabalho, a experiência com pessoas sendo atingidas por atiradores é a especialidade desse empregado que esta muito longe de ser um mero mordomo. Depois de pouco mais de duas horas de cirurgia, os fragmentos são retirados e o corpo fechado.

Alfred: -Creio que não preciso dizer a necessidade fundamental que o senhor teria de descansar agora e o quanto sei que irá ignorar... Ótimo, irá falar com o tal Pinguim. Certo, excelente... Que tal o senhor se deixar atingir com mais precisão da próxima vez? Seria mais fácil.

Acostumado com as broncas sarcásticas de Alfred, Thomas se levanta e caminha até o fosso onde esta seu prisioneiro que esta desperto e muito confuso.

Pinguim: -Quack! Ele engasga ao ver o morcego se aproximar das sombras Mas você não morreu? Como...? Onde me trouxe?

***

Chegando com uma costela quebrada e vendo já luzes piscando diante de seus olhos, o pistoleiro saia de dentro da caçamba de lixo que salvou sua vida como um bêbado entregue ao mais pesado whisky enquanto com muita dificuldade tentava alcançar a maçaneta da van. Dick consegue ver perfeitamente a cena enquanto se esforça para não rir e suspeita da razão do dardo não ter agido imediatamente.

_________________
avatar
Gláucio "Speedy" Gonzales

Número de Mensagens : 2582
Idade : 37
Data de inscrição : 19/01/2008

Ver perfil do usuário http://www.gonzalismoveloz.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Scorpion em Seg Jul 03, 2017 11:28 pm

Thomas continua caminhando enquanto ouve as broncas de Alfred.

Thomas: Eu também prometi à Bruce e Martha que puniria os criminosos e os tiraria das ruas, Alfred. Até saber o que eu preciso saber, eu não posso me dar ao luxo de soltar esse homem com uma polícia corrupta que o colocará em liberdade quando seus advogados chegarem. Vamos, me ajude a içá-lo!

Após içarem o Pinguim, Thomas administra outro anestésico no criminoso, garantindo que ele não acordará antes de que ele tenha retirado a bala que o Pistoleiro o de no ombro.

São 2 horas de cirurgia com auxílio de Alfred, até que a bala sai. Thomas coloca coagulantes, analgésicos e uma prótese no ombro que exige que ele faça 10% do esforço necessário para mover o ombro, já ferido. Aquele era um projeto para militares aleijados por munição que haviam perdido algum movimento dos músculos. Thomas usaria aquilo para que seu braço esquerdo tivesse o mesmo desempenho do direito.

Quando termina, ele prepara uma cena teatral para o Pinguim... afinal, teatralidade era a alma daquele negócio.
Ele usaria um captador de som para ampliar sua voz por toda a batcaverna... também usaria um controlador de morcegos para fazer com que os morcegos da caverna ficassem circulando-o e administraria no Pinguim 2 substâncias quando acordasse... Uma seria um soro da verdade ampliado, pelo peso do gorducho... o segundo seria um narcótico que faria as sensações como medo e surpresa aumentarem...

Quando o Pinguim acordou balbuciando que "ele havia morrido", Thomas fez o seu jogo.

Os morcegos circulavam o Batman, que tinha uma voz que ecoava por toda a caverna... sinistra e macabra era aquela voz.

Batman: Morrer? Eu não posso morrer! Eu danço com a morte, mas você... você é um reles mortal!

O Batman se confundia com as sombras... aparecendo em um canto e depois em outro... aproveitando-se da tontura do Pinguim...

Então, Batman soltou o Pinguim no meio do fosso, cheio de estalacmites, mas quando ele ia enfiar a cabeça em uma, o gancho o içou e o trouxe pra cima!
Batman então colou a sua cara no nariz de Pinguim.

Batman: Agora, você me dirá tudo sobre o que aconteceu e o que iria acontecer naquele porto! Me dirá sobre o homem que tentou atirar em mim... e me dirá com quem você está trabalhando e contra quem! AGORA!!!

Ele iria se aproveitar do soro da verdade e do medo para descobrir tudo que precisava...

avatar
Scorpion

Número de Mensagens : 2403
Idade : 31
Data de inscrição : 04/07/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Gláucio "Speedy" Gonzales em Ter Jul 04, 2017 1:02 am



Batman: Morrer? Eu não posso morrer! Eu danço com a morte, mas você... você é um reles mortal!

Thomas Wayne disse a seu filho certa vez que caímos para nos levantar. Algo parecido ocorre com o Pinguim, uma ave que não pode voar, quando ele mergulha apavorado e retorna sem entender o que esta acontecendo. O gangster grita em total desespero enquanto sente a dor de sua fratura da tíbia sumir, para depois quando achou que iria se aliviar encarar de frente os olhos de Batman.

O vampiro imortal feito de sombras que se teleporta entre as fendas da escuridão e cujas balas do Pistoleiro não fazem efeito.

Batman: Agora, você me dirá tudo sobre o que aconteceu e o que iria acontecer naquele porto! Me dirá sobre o homem que tentou atirar em mim... e me dirá com quem você está trabalhando e contra quem! AGORA!!!

Pinguim: -O Pistoleiro...? Ele trabalha para o comprador... Eu tinha de cuidar do porto, é o que me contaram e que ele iria proteger o perímetro... Ele nunca erra o tiro, disseram que ele levaria as armas para Amazo e que Amazo é que iria fornecer armas para a Síria. É o que eu ouvi... Isso iria acontecer na sexta-feira à noite. O nome do pistoleiro é Floyd Lawton...  

Pouco depois Batman esta procurando dados a partir do computador da caverna sobre Floyd Lawton. A lista de trabalhos contém apoios militares na Arábia Saudita como fuzileiro para alguns importantes e ricos extratores de petróleo, além de missões no Iraque e Afeganistão. Um típico Sniper Americano que ficou desempregado depois que sua utilidade passou. Ele tem uma família, casado com Michelle Lawton Torres e tem um casal de filhos: Ed e Zoe. Eles moram na Zona Leste de Gotham, uma região bastante pobre e controlada pelo tráfico de heroína.

Em seguida o Cavaleiro das Trevas cruza o nome citado pelo Pinguim. A curiosidade sobre a palavra Amazo, que parecia inicialmente ser referente à uma pessoa, é na verdade um navio ancorado em um porto da Lextransportes em Metrópolis, o imenso encouraçado pertencente ao Professor Anthony Ivo.

_________________
avatar
Gláucio "Speedy" Gonzales

Número de Mensagens : 2582
Idade : 37
Data de inscrição : 19/01/2008

Ver perfil do usuário http://www.gonzalismoveloz.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Leo Rocha em Ter Jul 04, 2017 12:06 pm

O prédio havia sido contido. Val Zod finalmente respirava aliviado ao perceber que ele e os demais heróis que ali estavam tinham conseguido impedir que mais inocentes fossem feridos.
Ele se aproxima do homem que controlava os construtos verdes e diz:

Arrow Belo trabalho! Sem você essa estrutura poderia ter causado grandes estragos.

Ele emite um sorriso sincero ao homem ao dizer isso. Em seguida, estende seu olhar por todo o local, tentando identificar onde estavam os outros heróis e se algum deles precisava de ajuda.
É nesse momento que ele percebe o grupo se aproximando do helicóptero. Voando até lá, ele chega a tempo de ver Luthor descendo do veículo e dizendo:

Lex Luthor: -Eu não acredito que um terrorista pode chegar a tanto. Eu compreendo que a tecnologia sempre acaba tornando certos trabalhos obsoletos, é o mesmo problema dos luditas quando aconteceu a Revolução Industrial, robôs e automação sempre substituí e potencializa a produção. Nós temos o mesmo problema quando invetamos o Lex Uber com os taxistas, nossa ideia era fazer algo mais fácil para o povo. Com serviços mais baratos para atingir mais e mais pessoas com inovações que liguem todos nós. Eu entendo as criticas, mas vir agora ameaçar as vidas das pessoas que eles dizem que estão querendo salvar? Isso é algo que eu não conseguia imaginar. Felizmente vocês heróis estavam aqui, sejam quem vocês forem, homens voadores... Eu agradeço imensamente e creio que tenho de descobrir até onde os estragos se estenderam sobre minha empresa... Sou Lex Luthor, meu nome esta ao redor de vocês, devem me conhecer. E qual o nome do time de vocês?

Lex Luthor. Um homem com poder para mudar o mundo. Com recursos para incidir sobre a sociedade como um todo e deixar uma marca positiva... ou negativa... Independente de suas intenções.
Seria Lex tão diferente dele? Será que o desejo do milionário de trazer benefícios a esse mundo através de suas inovações tecnológicas é tão diferente de seu desejo de usar seus superpoderes em prol daqueles que não os tem? Será que ambos, estariam igualmente equivocados ao usar seus recursos e habilidades em prol de uma visão de mundo que eles consideram correta?
Val aterrissa suavemente junto ao grupo e se aproxima com tranquilidade. Ele compartilha um sorriso sincero de quem se sente grato por ter executado um bom trabalho e de perceber que, mesmo não sendo algo combinado, essas pessoas conseguiram trabalhar como um grupo.
Ele então responde a Lex, olhando para os companheiros também:

Arrow Na verdade, esse é o nosso primeiro encontro, então não sei se podemos nos considerar uma equipe, Sr. Luthor... Meu nome é.. Superman, ou pelo menos é o que os jornais tem dito desde a ação na prefeitura... Eu estou aqui para ajudar e, pelo que percebi, as demais pessoas à sua frente também.

Ele então para um instante, como se pensando na sequência de fatos e diz:

Arrow É sabido que, mesmo com as melhores intenções, seu projeto incide nas relações trabalhistas de forma muito particular. Muita gente estaria preocupada e até mesmo zangada com uma automação desse nível. Há alguém com recursos ou acesso suficiente para conseguir lhe prejudicar desta forma? As informações que você tiver serão muito importantes para que consigamos impedir que essa pessoa ou grupo acabe machucando mais inocentes. Não sei se falo por todos, mas meu objetivo é levar o responsável por isto tudo à Justiça.

_________________
avatar
Leo Rocha

Número de Mensagens : 4120
Idade : 38
Data de inscrição : 14/10/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Scorpion em Qua Jul 05, 2017 5:48 pm

Está com medo, Pinguim? Ah, você deveria estar... porque se você souber aproveitar este medo, talvez ele te coloque no caminho certo e você não tenha que me encarar de novo. Você já está com a tíbia quebrada, devido á queda que nós tivemos... e eu posso quebrar muito, muito mais. Ser um cirurgião me dá o conhecimento necessário para saber como, quantos e quais ossos quebrar do seu patético corpo.

Quando Pinguim termina de falar tudo o que tem pra falar, Batman puxa-o pelo cabelo de ponta-cabeça e aproxima o seu rosto.

Batman: Saia de Gotham e leve a corja suja que você controla com você! Esta é a minha cidade! Eu sou seu guardião! Se eu ver você vendendo um maço de cigarros sequer...

Ele pega o Pinguim pelo pescoço, aproveitando-se da narcose do mesmo.

Batman: Nós já descobrimos que Pinguins não voam... vamos ver se respiram embaixo d'água. O aviso foi dado... Seja sábio.

Um apertão em uma das artérias do pescoço para impedir que o sangue vá ao cérebro... com toda a pressão de estar há quase 2 horas de cabeça para baixo, o cérebro do pobre Cobblepot deve estar louco. Deve ser o suficiente para ele apagar.

Batman se vira para Alfred e diz.

Batman: Avise ao piloto que eu voarei até Metropolis em 1h30. Mande-o abastecer o jato e ligue para umas modelos, Al. Devo parecer estar indo a passeio à Metropolis. Floyd Lawton ficará para depois. Ele tem família aqui... para um homem com as habilidades dele, é muito perigoso ficar se mudando. Ele não irá a lugar algum. Lidarei com ele quando eu voltar.

*******************************************************************

Poucos minutos depois, o Pinguim está pendurado em um poste, no Centro de Gotham... à sua volta, eu desenhei o meu símbolo com querosene e ateei fogo. Quando os policiais chegarem, haverá um morcego em chamas no asfalto e um Pinguim pendurado com um recorte de jornal pregado em sua gravata... o jornal falava sobre a lenda urbana do Pinguim.

Agora, Thomas Wayne entrava em seu jato particular com 2 das Victoria's Angels e voava para Gotham. Ele havia feito algumas ligações e enviado alguns Emails... tinha interesse na carga do Amazo e em negociar com a Síria. Afinal, a WayneTech era a maior produtora de medicamentos do mundo... e toda zona de guerra precisa de medicamentos.

Se possível, gostaria de falar diretamente com lex Luthor quando chegasse lá.

_________________
avatar
Scorpion

Número de Mensagens : 2403
Idade : 31
Data de inscrição : 04/07/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Gláucio "Speedy" Gonzales em Qua Jul 05, 2017 11:33 pm



"Construindo a Cidade do Amanhã - Parte 5"
Protagonistas:Capitão Átomo, Gavião Negro, Lanterna Verde, Sideral, Superman, Raio Negro e Ravena.

O jovem empresário sorri de volta e depois para por um segundo para responder à pergunta do Homem-de-Aço.

Lex Luthor: -Entendo, Superman. Quanto à pessoas zangadas, recebemos uma chantagem há alguns dias em vídeo desse anarquista. E ao que parece, ele cumpriu as ameaças... Como sabem há muitos hackers entre os anarquistas, derrubando sites de empresas e de agências do governo.  Não achavamos que essas ameaças seriam levadas até o fim ou que alguém seria capaz disso. Para isso ele não precisaria de muitos recursos, mas em algum momento acessar ele teria de usar os códigos de nosso computador interno, quebrando a criptografia, e provavelmente assim acessando remotamente precisamos pesquisar o IP correto que ele usou e teremos uma ideia geral de onde pele pode estar. Se puderem me acompanhar...

Luthor desce as escadas em direção à uma imensa sala com várias centrais e HDs espalhadas, ele caminha por entre as máquinas e continua, os Sete Super heróis o seguem e notam que assim que ele vai chegando perto de uma das máquinas para e fica observando lentamente.

Lex Luthor:-Ele deve ter instalado uma placa de wifi... por... aqui.

Sideral: -Aqui senhor Luthor!

A heroína era a mais empolgada com tudo que estava acontecendo e rapidamente reconheceu o mesmo aparelho que encontrou entre uma pilha de coisas na loja de moda e vendeu por uns trocados que disseram ser uma antena de wifi. Uma das muitas que existia naquela loja.

Lex Luthor: -Obrigado, mocinha! Pode me chamar de Lex.

Sideral: -E você pode me chamar de... digo, sou Sideral!

Lex Luthor: -Certo. Bem senhores, esse aparelho só pode ter sido colocado ontem há noite. Eu deveria ter levado à sério o que disseram... Mas confiei que minha segurança iria cuidar de tudo. Através da transmissão desse dado, ele pode até disfarçar seu IP da maioria das máquinas, mas com certeza que sei como fazer para funcionar o rastreamento. Vamos ter o endereço de nosso hacker...

Lex se senta no chão colocando um laptop em que começa a digitar em um dedilhar irritante. Enquanto o faz, um dos seguranças da Lex Corp se aproxima para alerta-lo de um recado.

Ben Turner:-Senhor Luthor, Mercy me pediu para avisar que o senhor tem uma reunião com o secretário da defesa, ele parece muito agitado com tudo que aconteceu e já estão vindo para cá. Assim como alguns acionistas estão também exigindo falar com o senhor...

Lex Luthor:-Ah, não é uma notícia inesperada, Ben! Eu decididamente preciso falar com eles, especialmente para aumentar o financiamento público para defesa. Ficaria surpreso que os acionistas não iriam se dispor a tentar me pressionar tão rápido, devem estar vindo atendendo ao meu chamado pela televisão para encontrarmos pessoas dispostas à um mundo melhor... Excelente... Mais um pouco e... E pronto! Sabia! O Anarquia controlou remotamente de uma região perto do porto de Metrópolis. De um estabelecimento comercial chamado "bar do Bibbo"...

Ele mostra a imagem pelo satélite da empresa de mapas e GPS que a própria empresa dele desenvolveu.

***

Protagonista: Batman

Alfred: -Lex Luthor confirmou que irá recebe-lo. Eu sinceramente creio que o senhor deveria utilizar um modo melhor de demonstrar descaso que a luxúria, Thomas. Mas como sempre o plano é seu, vamos pelos seus métodos e resultados. Cuidado com esse ombro...  

Durante a viagem, o médico aciona vários de seus contatos comerciais. Ao que parece o Amazo carrega em si uma tecnologia de automatização de produção em larga escala para fundição e modificação de metais, ele imprime drones e outras impressoras 3D em seus compartimentos usando vários metais como matéria prima. Além de transportar um amplo sistema de pesca, em seu casco. A propaganda da engenhosidade do Professor Antony Ivo, um dos principais responsáveis como projetista de automação na Lexcorp e também de tecnologia hospitalar. Curiosamente ele descobre que o professor precisará de alguma empresa especialista em nanotecnologia voltada à química farmacêutica.

Ao que parece o Amazo esta destinado a viajar pelo norte da África até Qatar, em missão de investimento na industria local. Não existem registros de qualquer aspecto militar envolvido nas informações que Thomas consegue, pelo menos nenhuma visível ou clara.

Em pouco tempo ele descobre que a sede da Lexcorp foi atacada por via de controle remoto das máquinas, as notícias falam que um vigilante chamado Anarquia fez isso para se opor ao avanço desmedido da automatização e o desemprego que ela gera. A curiosidade leva o faro de detetive para as redes sociais para procurar alguém se gabando do fato, mas é só quando avança um pouco mais para saber por canais da Deepweb se alguém esta se gabando do ataque ou algo parecido encontra um pseudônimo chamado "Aranha Financeira" conversando com alguém que parece ser uma garota, de codinome "Pássaro Azul, que não cometeu o crime.

Em pouco tempo, ele vê a imagem que é muito similar à que apareceu nos vídeos da imprensa.


_________________
avatar
Gláucio "Speedy" Gonzales

Número de Mensagens : 2582
Idade : 37
Data de inscrição : 19/01/2008

Ver perfil do usuário http://www.gonzalismoveloz.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Scorpion em Ter Jul 11, 2017 12:47 am

Batman: Eu sou um playboy bolionário, Al... É de se esperar que eu aja como tal.

Enquanto voava, Thomas fazia sua investigação, chegando até o nome e a imagem do homem conhecido como "Anarquia". Infelizmente, aquilo pouco interessava ao Batman. Ele não era um justiceiro de ação mundial. O seu objetivo era limpar Gotham, e Gotham somente. Pouco se lixava para o que estava acontecendo em Metrópolis... porém, o que quer que estivesse ocorrendo no Amazo, respingaria na cidade do Homem-morcego e isso ele não permitiria.

Chegando até o aeroporto, Thomas tomou um helicóptero da Wayne e rumou diretamente para a sede da LexCorp. No caminho, ele preparou microrastreadores e microtransmissores de sinal para grampear o que precisasse ser grampeado dentro da LexCorp e servir como informação para quando o Batman precisasse agir.

Pousando lá, ele imaginava que Lex Luthor logo o receberia, afinal... ninguém deixaria Thomas Wayne esperando, certo? Ele se aproximou da primeira pessoa que o recebeu e ofereceu um aperto de mãos caloroso.

Thomas: Thomas Wayne, como vai? Eu tenho um encontro com o senhor Luthor, por favor.

_________________
avatar
Scorpion

Número de Mensagens : 2403
Idade : 31
Data de inscrição : 04/07/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Pedro Malasartes em Qua Jul 12, 2017 11:38 pm

Felizmente, a estrutura não ruiu, mas não teria conseguido sem ajuda. Foi impressionante contar com o apoio inesperado. É uma daquelas situações em que você percebe que não está sozinho e que existem mais pessoas pensando no bem coletivo. Superman - como ele é chamado aparentemente - então agradeceu minha contribuição. Só pude então retribuir o elogio. Creio que de todas as aparições ocorridas hoje, a dele certamente causou mais impacto. Ele procura não apenas salvar pessoas em perigo, mas transmitir algo. Esperança talvez.
- Obrigado. Sua ajuda também foi essencial para garantir a segurança de todos. Mas creio que devemos também agradecer aquela jovem - apontei então para a garota misteriosa que transportou os civis através das sombras. Sem ela não teríamos retirado todos do local a tempo.

Ainda estava curioso para saber como ela foi capaz de fazer aquilo, mas não era o momento mais adequado para abordar o tema. Apenas acenei para a garota gentilmente.
Logo depois, Lex Luthor apareceu em pessoa. Ao menos, ele teve a decência de conferir pessoalmente a tragédia que se abateu na sede de sua corporação. Como o Superman, eu também não gostei da proposta de automação industrial de Luthor. Mas ele não causou o atentado. E devemos nos concentrar em encontrar o responsável. Em outra circunstância, eu deixaria a investigação para a polícia. Heróis anônimos como nós não devem se intrometer desse modo.
Entretanto, o próprio Luthor nos convidou a conferir os rastros do perpetrador do ataque. Se o próprio Luthor nos colocou dentro da investigação, por que não ajudar? Segundo os registros no banco de dados, o terrorista ludita comandou o ataque de uma espécie cyber café chamado "Bar do Bibbo". Não custava nada verificar. Mas como não estou habituado com Metrópolis e não tenho nenhum talento para bancar detetive, aguardei o que os outros tinham a dizer.

_________________
avatar
Pedro Malasartes

Número de Mensagens : 45
Idade : 34
Data de inscrição : 23/04/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Leo Rocha em Qui Jul 13, 2017 9:51 am

O homem de verde fala e demonstra também estar atento aos esforços dos demais companheiros. Ele sinaliza a jovem sombria que havia conseguido tirar as pessoas de dentro do prédio. Val concorda com as observações dele e acena para a jovem em agradecimento. Como os demais permaneceram calados, Luthor seguiu guiando o grupo até encontrar o dispositivo que havia permitido o controle das máquinas. Isso e um endereço para começar as investigações.
Val lembra que não é um policial, um agente da lei autorizado. Mas ao mesmo tempo sente que este é o tipo de ameaça que ele pode e deve enfrentar. Ele então diz a Luthor:

Arrow Eu irei verificar e, caso alguém mais queira, estou mais do que disposto a aceitar ajuda. Mas, acredito que, se não houver mais informações que o Sr. Luthor queira nos dar, seja a hora de partir. Aqueles que quiserem e puderem continuar a investigação podem me seguir. Os que não tiverem condições de voar, podem pegar carona com quem tem.

Após aguardar as manifestações dos presentes, Val começará a voar e se afastará do local voando a uma velocidade baixa para que pudesse ser alcançado. Pouco tempo depois, ele pararia no terraço de um dos prédios mais altos da cidade e dirá àqueles que o seguiram:

Arrow Eu acho que as circunstâncias nos colocaram juntos para que pudessemos nos ajudar. Mas, pra isso é preciso que nos conheçamos melhor, certo? Me chamam de Superman. Eu tenho usado meus poderes para proteger aqueles que precisam. É um prazer ver que não sou o único!

_________________
avatar
Leo Rocha

Número de Mensagens : 4120
Idade : 38
Data de inscrição : 14/10/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Pedro Malasartes em Qui Jul 13, 2017 7:16 pm

- Conte comigo, Superman! A propósito, você pode me chamar de Lanterna Verde. Meu poder me foi concedido pelos Lordes Dragões para assegurar a justiça no mundo. Posso conjurar constructos para carregar aqueles que não forem capazes de voar. É só mostrar o caminho, Superman!

_________________
avatar
Pedro Malasartes

Número de Mensagens : 45
Idade : 34
Data de inscrição : 23/04/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Gláucio "Speedy" Gonzales em Sex Jul 14, 2017 1:19 am




"Cheguei muito cedo?

Sou Wally West...  Eu sou, eu era... o homem mais rápido do mundo...
Nós enfrentamos terríveis obstáculos para que algo de nós ainda sobreviva. Para nós, a Liga da Justiça que você recriou junto de Batman e Senhor Incrível era fundamental para proteção da Terra. Houve uma Crise, uma imensa e Hipercrise, que abalou as estruturas do Universo. E mesmo tendo derrotado esse inimigo, o mundo em que viviamos ficou a mercê de poderes que anos depois viriam a despertar.

Para que você entenda, preciso explicar que não há uma Terra, mas várias.

As teorias de Rip Hunter sobre isso são várias, desde que todas vibrando em possibilidades temporais diferentes, até que todas existem ao mesmo tempo... De um modo ou outro, todas terras são alcançáveis. Por isso eu cheguei até aqui.

Nosso grupo ia bem, gerações de heróis e tudo mais. Até que surgiu das profundezas do inferno, um mal supremo e absoluto, que dominou e varreu planetas com seu poder sobre todos. Por um tempo, nós tentamos nos preparar contra ele, mas fomos atacados por uma organização que controla as forças ocultas da luz e em seguida uma sabotagem de um marciano branco. Nosso satélite explodiu, mortes, a Liga se dividiu em duas e começou a ser alvo de uma batalha de uma Guerra Santa que nos enfraqueceu mais e mais... Até que nosso planeta foi definitivamente derrotado por uma invasão alienígena, que cremos ter sido comandada pelo mesmo inimigo maligno, que nós chamamos de "Verme dos Mundos"...



Depois de alguns anos escondidos, meu melhor amigo, Kyle Rayner, conseguiu dominar plenamente os aspectos luminosos das emoções vida que alimentam todos poderes de luz. Ainda assim, tudo que ele pode fazer foi retardar nosso adversário para que eu pudesse correr... e correr... para descobrir uma saída desse mundo que se foi... Outros podem ter escapado, indo em direção diferente da que estamos... Eu conto com você para acha-los. E também, avisar a Liga para não se separar nunca.

Eu estou tentando me estabilizar, meditando porque corri entre as Terras muito rápido. Eu não sei se gerei seu mundo ou o alcancei, só sei que ele é novo para mim tanto quanto talvez seja para você. Eu conto com você, Caçador de Marte. Ache os outros..."


E com isso... o Caçador de Marte se põe a meditar.




***
Nota Narrativa: O grupo recém formado vai para o porto no Ato 2.1: Aportando
Já Batman vai para o Ato 2: A Lágrima do Diabo.

_________________
avatar
Gláucio "Speedy" Gonzales

Número de Mensagens : 2582
Idade : 37
Data de inscrição : 19/01/2008

Ver perfil do usuário http://www.gonzalismoveloz.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ato 1 - O Homem na Posição de Lótus

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum