Missão: Biotech is Godzilla

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Guima em Qui Ago 18, 2016 7:11 pm

Belle Reve, cerca de 3 horas atrás.


Amanda Waller reuniu de ultima hora um novo esquadrão suicida. Ela estava irritada e por trás de seu semblante sério e e incisivo, algo não estava bem. Waller folheou os arquivos dos vilões disponíveis em Belle Reve e franziu o cenho... De fato não era a melhor equipe... Mas ainda assim era melhor do que nada.

Ela comandou aos militares que a cercavam que recolhessem os escolhidos e iniciassem os procedimentos padrões para o serviço da Força Tarefa X, que era nada mais do que os mesmos serem arrancados a força de suas celas, revistados, descontaminados e por fim inoculados com uma micro bomba de longo alcance remoto próximo a região cervical.

Quando finalmente todos estavam prontos eles foram apresentados a diretora Waller. Alguns já a conheciam de longa data, mas outros seria a primeira vez que lidariam com a "muralha".


Waller - Vou ser bem direta com vocês. A situação é de total urgência. Cerca de 8 horas atrás um laboratório de engenharia genética localizado nas florestas da America do sul entrou em estado total de quarentena. Não cabe a mim explicar as pesquisas ou trabalhos que aconteciam lá dentro pois essa informação é secreta. O general Rick Flagg foi incumbido de reunir um grupo de operativos Black Ops. Perdemos contatos com Flagg há exatos 1 hora e 58 minutos e não tenho mais esperanças que o mesmo esteja vivo. A missão de vocês é resgatar Flagg e destruir qualquer coisa que sobreviveu ao estado de Quarentena deste laboratório. Qualquer coisa.

Waller -Um avião os aguarda e os levarão até uma base naval Americana localizada no Oceano Pacifico e de lá vocês seguirão de helicóptero até as matas sul-americanas. Lembrem-se que esta é uma missão extra oficial e que se tentarem fugir ou forem capturados suas vidas serão ceifadas por mim com o simples apertar de botão neste controle remoto. Fui clara?

Amanda não esperou por questionamentos e saiu da sala enquanto os integrantes do Esquadrão eram escoltados por militares até o avião que os levaria ao seu destino...

Agora:

Segundo o piloto eles estavam bastante próximos do local e o mesmo já iria iniciar os procedimentos de pouso. As copas densas e grandes das arvores tropicais atrapalhavam a descida do veículos que aos trancos ia nivelando sua altitude....

Assim que o helicóptero pousou, os integrantes do Esquadrão Suicida desceram e foram em direção de um helicóptero abatido que provavelmente era de Flagg e seu grupo. Ao se aproximarem os vilões viram apenas três corpos dentro do helicóptero, provavelmente tinham morrido na queda e felizmente ( ou não) nenhum daqueles eram Flagg. O piloto do Esquadrão foi verificar um dos corpos para ver se descobria alguma pista ou algo que pudesse indicar o paradeiro dos demais soldados.

Ele então é ferozmente atacado pelo "morto" que o abocanha arrancando nacos enormes de carne de seu pescoço... gemidos guturais junto com os gritos de dor e desespero "acordaram" os outros dois soldados que logo se levantaram e numa corrida trôpega avançaram na direção dos demais membros do Esquadrão Suicida...


_________________

Guima

Número de Mensagens : 2148
Idade : 31
Data de inscrição : 12/12/2009

Ver perfil do usuário http://www.remistico.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Gláucio "Speedy" Gonzales em Sex Ago 19, 2016 1:58 am




-Святая Мать Россия!



O que acontece é aterrador, realmente os capitalistas se superaram e inventaram algum tipo de morto-vivo zumbi! Como se cidadãos capachos do Tio Sam já não fossem sem cérebro o bastante!

Sem pensar duas vezes eu saio disparando tiros contra eles.



Isso enquanto aguardo que meus colegas ajam. E peço apoio...


-Vamos, camarradas! Afastem esses seres putrefados...! Pistoleiro e Senhor de Gelo, disparem!


_________________

Gláucio "Speedy" Gonzales

Número de Mensagens : 2485
Idade : 36
Data de inscrição : 19/01/2008

Ver perfil do usuário http://www.gonzalismoveloz.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Scorpion em Sex Ago 19, 2016 2:48 pm

Eu nunca pensei que algum dia seria apenas um cão preso pela coleira dessa gorda cretina. Se ela acha que pode me prender, ela está redondamente enganada. Ela pode ter tanta esperança de conseguir isso quanto teria de conseguir com o Batman. Entretanto, de todos ali eu sou o mais qualificado para tentar me livrar dessa. Porque? Talvez porque eu seja um dos melhores cirurgiões do mundo?
De toda forma, eles parecem ter tomado todos os cuidados e eu mesmo tenho de assumir que seria arriscado demais tentar me livrar disso... teria de ir testando as possibilidades nos meus colegas que fossem caindo.

Manda quem pode, obedece quem tem juízo. Eu não cheguei até onde cheguei fazendo tudo o que me dá na telha. Eu faço planos meticulosos desde que tentei matar meus pais na infância. Tudo tem a sua hora... a roda da carruagem dá muitas voltas e no momento, eu estou embaixo da roda.

Eu me equipo com praticamente o mesmo que cheguei aqui. Entretanto, eu sou um dos gênios dessa trupe, além de ser um ótimo imitador. Então eu pego equipamentos que me permitam melhorar minhas capacidades de invasão e engôdo. Algumas máscaras aleatórias tão bem produzidas que ninguém diria que não são reais, um equipamento para quebrar a segurança por travas eletrônicas e algo que eles separaram pra mim: um kit médico que ainda nem deveria existir. Quase uma sala cirúrgica em uma maleta de 7 quilos.

Waller fala e fala... e eu não dou a mínima. Ouço com os ouvidos e não com os olhos. Dizem que ela põe medo até no Wayne... eu acho difícil.

Quando chegamos, somos logo assaltados por uma trupe de criaturas. Eu me mantenho mais atrás. O primeiro a saltar pro combate é o russo louco: KGBesta... que nomezinho mais infértil. Parece que o nome dele foi criado por um marketeiro de fast-food... o que me espanta, visto que os russos sempre foram geniais ocm suas propagandas e estudos de cores, desde Stalin. Eu li o relatório sobre ele... colocado pra dormir pelo morcego. Não dá pra julgá-lo... metade aqui foi, inclusive eu.

Me mantenho mais afastado porque Waller não me colocou nessa pra isso. Ela sabe que sou uma peça completa: genial como poucos, capaz de ludibriar com maestria e um excelente combatente, capaz de trocar socos com o Batman. Ela sabe que não faço parte dos peões e nem farei esse joguinho. Existem outros que foram trazidos aqui para catar os sacos de lixo... e eu? Eu fui trazido aqui pra abrir e ver o que os sacos têm... e é isso que eu faço.

Depois que KGBesta derrubar o primeiro, eu espero um momento menos perigoso para puxar a carcaça de um deles para trás do grupo... abro o meu kit e rapidamente já começo a fazer alguns testes nessas criaturas. Talvez o segredo para completar essa missão esteja dentro dos genes desses malditos.

_________________

Scorpion

Número de Mensagens : 2247
Idade : 31
Data de inscrição : 04/07/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Alexandre em Sab Ago 20, 2016 3:31 pm

Então...Ok. Tudo muito rápido, tudo muito direto. Não que eu quisesse realmente me enturmar com esse bando de malucos ou saber seus nomes mas...Gostaria de mais detalhes sabe? Especialmente quando diz respeito a coisas colocadas dentro de você que podem te matar. Mas não parece estar incomodando ninguém, então melhor deixar para la.

Engraçado o fato que Waller "não espera que Flagg esteja vivo" mas...O quer resgatado?

Ok, ninguém mesmo quer fazer perguntas. Tudo bem.

Não demorava para chegarem no local e dar de frente com o helicóptero. Claro, não era de se imaginar que um especialista como Flagg estaria a cargo de uma missão daquelas se fosse morrer na primeira queda de helicóptero. Entretanto, as surpresas não pareciam que iam acabar agora.

Zumbis? Sério?

Claro que esse bando de malucos parecia gostar da idéia, o russo ainda parece animado disparando dezenas de vezes como se estivesse em algum tipo de video game, enquanto eu recuo um passo ou dois, ouvindo ele chamar outros pelo nome.

- Ewww... - Recuava enquanto olhava um dos presentes até começar a dissecar um dos..."mortos" logo ali, e sacava sua arma.

Bem, eu nunca precisava de convites para atirar antes. Posso não ser o pistoleiro mas armas de fogo nunca foram um probelma depois de todo aquele treinamento militar. Se filmes de zumbi ensinavam alguma coisa era sobre atirar na cabeça. Então mirava antes de atirar um par de vezes na cabeça de qualquer uma daquelas criaturas e vendo se era o suficiente para acabar com ela.

Melhor guardar as flechas para um momento mais silêncioso.


_________________


"I'm the guy who died playing the game your way, and didn't even get a gravestone as thanks. And you know what? That's fine by me, because now I know how the world really works."


"Just you and me, children. Saving the world. From itself."


Alexandre

Número de Mensagens : 409
Idade : 32
Data de inscrição : 07/09/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Leo Rocha em Seg Ago 22, 2016 11:19 am

Mais uma vez estou junto com os piores dos piores... Eu realmente pensei que meu período nesse trabalho tinha acabado. Mas parece que pra Waller nunca acaba...
Ela fala rapidamente e de forma clara: Flagg está numa roubada. Há algo muito ruim aonde ele foi e eles precisam de uma equipe de limpeza (mais do que de extração) para resolver a situação. Principalmente se essa equipe for descartável...
Eu olho em volta e vejo quem serão os companheiros de trabalho dessa vez:

Pistoleiro é outro que possui longa história com o Esquadrão. Mais ainda do que eu. É um louco com tendências suicidas, mas ainda sim é o mais perto de alguém confiável no grupo.

Kgbesta é um soldado perdido sem objetivo. Já foi um dos melhores da URSS, mas depois que aquilo tudo acabou, se tornou mais um veterano de guerra que fica chorando pela glória perdida enquanto se mata em uns bicos bem aquém de seu talento.

Cupido. Sei pouco dela. Apenas que é uma louca apaixonada pelo Arqueiro Verde. Com a morte dele, imagino que ela esteja cada vez mais instável.

Espinho. Eu chamei a Cupido de instável? Espinho me faz repensar essa classificação.

Capitão Frio. Apesar da roupa de esquimó, é um ótimo estrategista. É do tipo que faz o que é preciso.

Arlequina. Mulher do Coringa. Preciso falar mais alguma coisa?

Silêncio. O mais perigoso de todos. Pelo pouco que consegui saber, Silêncio tem expertise em medicina, disfarces (não tanto quanto o papai aqui, é claro), armas, lutas... E por saber desta expertise, ele se considera bom demais.. Provavelmente uma personalidade narcisista e egoísta. Bem perigoso em uma missão dessas.

Por um instante eu paro para refletir que, tirando Cupido e o Capitão Frio, todos nós estivemos enrolados com o Batman.
Até parece que ele e Waller tem um acordo onde ele nos tira da rua e ela nos coloca sob sua coleira. Dá até pra imaginar os dois sentados em um restaurante vazio, à meia luz, com dossiês nossos discutindo sobre o quanto somos perigosos e disputando pra ver quem tem o pau maior.

Não...

O Batman não arriscaria nos ver de novo na rua...

***

O helicóptero pousa e o piloto é a primeira baixa.
Zumbis.
Sério?
Eu não sou o cara mais indicado pra uma missão com zumbis!
Mas terei que ser.
Já me transformei em tanta gente, porque não um caçador de zumbis?

Silêncio pega um para examinar, enquanto Cupido e Kgbesta abrem fogo. Eu ficarei na assistência a Silêncio. Alguém precisa fazer isso.

Arrow Silêncio, fique tranquilo. Eu cuido das suas costas. Vamos ver o que você consegue descobrir sobre essas criaturas.

_________________

Leo Rocha

Número de Mensagens : 4037
Idade : 37
Data de inscrição : 14/10/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Jor-El em Seg Ago 22, 2016 9:17 pm

Esse nem de longe é meu primeiro rodeio. Conheço todo o procedimento. Imobilização, revista( mais invasiva do que o necessário) e, por fim, a injeção de nanitas cada vez menores e mais explosivas.
Depois, somos colocados em frente a ela. O título de muralha não é a toa. Ela consegue fazer o ar ficar pesado, mesmo para a equipe barra pesada que montaram.
Flagg desapareceu. Acho que por isso que me escolheram, sabem que eu conheço bem o cara. Sei como ele pensa. Também, depois de tantas missões.E devo ser o meio mais fácil de trazê-lo com vida. Bem, o que a gente não faz pra reduzir um pouco a sentença de 3 perpétuas?

Eu preparo meu equipamento: pistolas, sniper, manoplas, apenas o básico e subo para o avião. Não consigo deixar de reparar na equipe. Arlequina e eu temos... história




Os outros, ou eu trabalhei muito pouco ou nunca. Capitão Frio e Nêmese são os únicos sãos o suficiente para evitar que algum desses maníacos não se exploda levando todo o resto. Não que isso seja ruim. Mas não seria do jeito que eu gostaria de ir.

Os mais acho que podem ferrar a missão são Espinho e KGbesta. A primeira tem múltiplas personalidades e o segundo tem lealdade a uma nação morta. Cupido e Arlequina são maleáveis, apesar de instáveis, mesmo com Cupido estando de luto pela morte do liberal de cavanhaque ridículo.

Por fim, temos Silêncio. Ele é bom. Muito bom. Se metade do que os meus contatos disseram for verdade, ele chegou perigosamente perto de derrubar o Morcego de vez. Meu medo é que ele não parece o tipo que aceita ordens. E acho que ele vai tentar tirar as nossas coleiras na primeira chance. Eu também já pensei assim, até já perceber que ninguém sacaneia a Waller e vive pra contar. Ele vai tentar. E provavelmente vai ser o Amarra do grupo.

Termino de ajeitar as manoplas quando descemos. Encontramos uma cena de destruição e parece que o Garoto Flagg continua vivo, apesar de que deve estar muito machucado, pela quantidade de sangue espalhada. Foi quando algo que  parece saído de um dos filmes do Romero acontece. Os mortos se levantam e começam a comer o rosto do nosso estimado piloto. Seria engraçado se não fosse ele a fazer a nossa extração. E pelo fato de que eu vou ter que ficar do lado dele enquanto abro fogo. Eu já enfrentei coisas estranhas o suficientes para saber a qual distância tenho que ficar de alguém infectado. E, se essas coisas podem infectar, melhor manter um olho no peixe e outro no gato, ou seja, um olho nos zumbis e outro no piloto, porque assim que ele mostrar que é um perigo eu abro a cabeça dele como se fosse uma melancia. Eu sei como me distanciar e, como essas coisas são lentas, eu tenho tempo de reação para acertá-los antes que eles tentem alguma coisa. Dou prioridade para ficar perto da Arlequina e da Espinho, porque elas preferem combate corpo a corpo, enquanto os outros são melhores de longe.

HORA DO SHOW! Eu sempre me lembro como adoro isso. A emoção a cada alvo acertado. A certeza de que cada disparo acerta a cabeça precisamente. Muitos vão pra terapia. Eu mato pessoas.

_________________

Jor-El

Número de Mensagens : 993
Idade : 26
Data de inscrição : 11/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Renata C. em Qua Ago 24, 2016 9:34 pm


E então... Roshyn... Não... Espinho estava em Belle Reve. Não que a ruiva realmente pensasse que aquilo era uma colônia de férias, mas, com seu comportamento, digamos, explosivo, ela tornava as coisas bem mais.. difíceis.


A qual é, seus moles. Ninguém parece querer um pouco de diversão nesse lugar dos infernos.



O ataque aos funcionários com um pedaço da cama rendeu a Espinho uma semana na solitária. O engraçado é que.. No caso dela isso normalmente não significava necessariamente estar sozinha. Mas.. dessa vez a coisa foi meio assustadora. Porque parecia, de alguma forma... que Rosa não estava mais lá.


Era difícil definir algum sentimento dentro de si além da raiva... Espinho sentia, talvez, solidão? Sua já confusa e tão fragmentada mente se perdia em meio ao cubículo onde estava presa.

Após algum dias, sem mais nem menos, apenas foi levada ao encontro de Waller.

Eu mencionei que, depois dos incidentes, os funcionários locais tomavam algumas precauções para lidar com Espinho?


Hell yeah. Uma injeção no pescoço, a bomba já estava lá, não havia mais volta.

Não que Espinho fosse realmente uma pessoa que se preocupasse com auto preservação, mas... Logo estava na presença da durona Amanda Waller. Ela não deixava muito espaço para questionarem e tampouco Espinho parecia interessada nisso. Não era muito de cobrar explicações. Afinal.. já estava feliz em poder retalhar... Bom, o "qualquer coisa" a qual Waller se referia.

Afinal, o que poderia ser melhor? Tinha suas roupas de volta, e o mais importante...


--

Pouco tempo depois de se armarem já estavam a caminho do local onde o helicóptero de Flagg havia caído. Durante a viagem Espinho  permaneceu em silêncio, não estava nem um pouco interessada naquele momento em conhecer os "colegas" de Esquadrão Suicida.

Ao ouvir o grito do piloto, notou que os "mortos" se moviam. Bom, já sabiam o que Waller queria dizer com "matar o que tivesse escapado da quarentena". Zumbis.

Com um sorriso de satisfação, a ruiva puxava as kamas que trazia presas as costas.

Não era exatamente uma especialista em trabalhar em equipe, mas como atacavam os zumbis com armas de fogo, não seria burra de se meter na linha de frente naquele momento, por mais que quisesse... retalhar algo. Então aproximou-se um pouco e aguardou. Se os tiros não fossem suficientes para parar os alvos - e torcia para que não fossem - bom, ela estaria ali, pronta para cortar qualquer "membro" que se aproximasse um pouco mais deles.


_________________

Renata C.

Número de Mensagens : 470
Idade : 31
Data de inscrição : 27/08/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Guima em Sab Ago 27, 2016 3:59 pm

O primeiro a atirar foi o Kgbesta que numa rajada de balas tentou deter o avanço dos zumbis. O máximo que ele tinha conseguido fora atrasa-los. Mesmo crivados de balas, aquilo não seria suficiente para para-los. Cupido por sua vez mirou um tiro certeiro na cabeça de um dos "mortos" que vagarosamente tombou no chão. Silencio aproveitou da chance e puxou o corpo desmorto da criatura e iniciou uma analise médica ali mesmo enquanto Nêmese lhe dava a cobertura para que o cirurgião fizesse seu trabalho tranquilo....

Pistoleiro armou suas manoplas mas preferiu ficar de longe fazendo a cobertura de Espinho que preferia uma abordagem mais direta, com seus Kamas ela avançou pra cima de um deles e com ferocidade e graça golpeou o zumbi com cortes profundos e fatais... Logo o zumbi estava se arrastando somente para um golpe derradeiro e perfurante na cabeça que o fez parar de vez...

Dos três zumbis que ali estavam dois haviam sido abatidos e um deles avançava na direção do Helicóptero onde o Capitão Frio e Arlequina ainda estavam. Antes que Frio e Arlequina pudessem fazer alguma coisa, Lawton dispara através de sua manopla um único disparo que entrou pela nuca e saiu pela testa voando miolos na fuselagem do helicóptero que havia trazido-os.

E enquanto o Silencio ainda fazia exames em uma das criaturas, os demais integrantes do Esquadrão perceberam um rastro de pegadas no chão ladeada por gotas de sangue.  As pegadas começavam proximo ao helicoptero de Flagg e ia mata adentro. Poderia ser Flagg ou algum outro sobrevivente do grupo.

Mas antes que o esquadrão pudesse decidir o que fazer, gemidos são ouvidos novamente e barulho de visceras e ossos estralando denunciam que os mortos que eles tinham acabado de matar não estavam tão mortos assim...

O zumbi que tinha sido decepado por Espinho havia se regenerado completamente e agora possuia mais dois braços e os que tinham sido alvejado na cabeça tinham regenerado o cranio com ossos maiores e mais densos criando um tipo de carapaça "natural" mais resistente que a anterior...

O zumbi que estava sendo analisado por Silencio levanta-se rapidamente e agarrando o pescoço do médico ele o levanta do chão enforcando-o com uma força proxima de fragmentar sua espinha cervical....

_________________

Guima

Número de Mensagens : 2148
Idade : 31
Data de inscrição : 12/12/2009

Ver perfil do usuário http://www.remistico.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Alexandre em Sab Ago 27, 2016 11:15 pm

Homens sempre tão...Apressados.

- Vamos la garotos, vocês nunca assistiram filmes de zumbis? Atirem na cabeça para os mortos vivos ficarem mortos mortos.

Morte...Era interessante como isso parecia uma constante nos últimos tempos. O Arqueiro estava morto, e isso a havia deixado completamente perdida. Isso havia lhe trazido ali, e logo a primeira coisa que ela esbarrava era...A morte. Ela estava por todos os lados. Eles haviam morrido, tudo morria.

Havia o...Amor morrido?

Estava perdida em seus devaneios enquanto os demais cuidavam de seus assuntos. Sabia que as pegadas não passariam despercebidas e não estava interessada em ser mais uma dando ordens. Esperava ainda os comando e silêncio terminar aquela...O que quer que estivesse fazendo quando ouviu novos barulhos.

Droga o que diabos são essas coisas?



- Certo eles estão trapaceando, e se adaptando. Precisamos sair daqui, AGORA. - E recuava ainda para trás em um ritmo mais acelerado, chegava a mirar no zumbi de antes mas ao perceber o cranio reforçado atirava agora contra a cabeça do desmembrado que havia se recuperado do ataque de espinho três vezes. E estaria pronta para dar o fora dali sem demora em direção as pegadas. Esperando ainda um segundo ou dois pelo seus "aliados".

Mas não muito rapazes.

Eles, e o amor podem ter morrido.

Eu ainda não.

_________________


"I'm the guy who died playing the game your way, and didn't even get a gravestone as thanks. And you know what? That's fine by me, because now I know how the world really works."


"Just you and me, children. Saving the world. From itself."


Alexandre

Número de Mensagens : 409
Idade : 32
Data de inscrição : 07/09/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Scorpion em Dom Ago 28, 2016 10:25 am

Meu trabalho é metódico... como sempre. Como o maior cirurgião de Gotham, eu tenho de ter a mão firme e o pensamento focado. Distrações podem significar a diferença entre a vida e a morte... e neste caso, estamos falando da minha.

Nêmese diz que vai cuidar das minhas costas... porque diabos isso vindo de algum membro deste Esquadrão soa como algo que me dá calafrios? Bem... que sorte que temos nossas coleiras. Falo, sem nem olhar.

Silêncio: Você é mesmo um mamífero útil...

Abor o kit e pego um bisturi e um frasco de reagentes universais. Começo pela frente, cortando e jogando um pouco do reagente... a reação é no mínimo... interessante. A disposição de algumas veias que não deveriam estar ali vão direto para as costas do indivíduo... ótimo! Estamos fazendo progresso...

Silêncio: Isso é interessante!

Mas então, algo acontece!

Silêncio: Isso não é nada b...!!!

A criatura que eu estava analisando então, do nada agarra o meu pescoço e me ergue do chão. Preciso colocar um pé no peito dela pra fazer uma alavanca e impedir que ela quebre o meu pescoço!
Os outros também estão se levantando! É tarde demais esperar por ajuda naquele momento. É hora de ver se a minha teoria dá certo!

Uma das minhas mãos segura as mãos dele, tentando dar o apoio para que meu pescoço não se quebre! A outra vai até o meu sobretudo, buscando uma das minhas .45 especiais. À uma distância de até 10m, a .45 atravessa um ser humano normal com facilidade! Eu vou precisar de toda a sorte que eu tenho para um tiro à queima-roupa fazer o serviço.

Encosto a pistola no peito dele, enfiando a ponta no buraco que ainda se regenerava e...

BLAM!BLAMBLAMBLAM!!!!!

Quatro tiros no mesmo local! Darei mais se forem precisos, mas mirei justamente naquela parte que descobri e que formou uma carapaça! Espero que as balas atravessem e destruam aquilo, provando a minha teoria.

Ah... o que eu não faço pela ciência...

Se funcionar, eu caio no chão com um joelho, na ridícula "super hero landing", com uma das armas na mão e a outra mão massageando a minha laringe...

Silêncio: Eu acho que descobri o ponto fraco deles...

_________________

Scorpion

Número de Mensagens : 2247
Idade : 31
Data de inscrição : 04/07/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Drako em Dom Ago 28, 2016 8:43 pm

Estou no maldito Esquadrão Suicida.

Que piada.

Sabe, Amanda Waller pode ter aquela fama de escrota, mas você só descobre o quão cuzona aquela puta é até encontrar com ela cara a cara. A maldita nos jogou numa sala, deu as diretrizes, botou a gente num helicóptero e é isso aí. Sem papo nem nada. Ela mulher não sabe o significado das preliminares. Nem me levou para um jantar romântico e ela já tá querendo me ferrar.

Enfim, querendo ou não, estou aqui neste helicóptero indo sabe se lá para onde, fazer sabe-se lá o que. E para variar, se eu fugir a maldita explode a minha cabeça. Pior de tudo é esse grupo de desajustados. Pistoleiro tem uma fama “boa,” sempre atira, nunca erra. Nunca tive saco para lidar com esses palhaços de Gotham City. São todos de nariz em pé, se acham um máximo, mas a única coisa que fazem é apanhar para um cara vestido de morcego que nem poderes tem. O meu cara pelo menos é super-rápido. Falando em pessoas de Gotham com nariz empinado, tem esse tal de Silêncio. Ouvi uma coisa ou outra do malandro, vive cortando gente pelas ruas e deixando elas sem uns pedaços. Um doente completo. Como se precisasse saber alguma coisa sobre ele para notar que é um maluco, só olhar para a cara toda enfaixada dele.

Completando a galera daquela cidade xexelenta, temos Arlequina e KGBesta. Para variar, ela é pirada da cabeça. O cara eu não conheço muito, não deve ser tão famoso para as informações chegarem lá em Central City. Ai tem essa tal Cupido, que julgando pela escolha de armas deve ser alguma vilã do Arqueiro Verde, porque Deus me livre alguém tentar ser original naquela cidade. E por fim, Espinho... nunca ouvi falar dela. Mas só de ver as roupas que ela veste eu não me importaria de tê-la na Galeria de Vilões. Hehe.

Ai tem essas duas moçoilas, que parecem ser nossas babás. Ricky Flagg e um tal de Nêmeses. Não me importo com eles, estão aqui para nos deixar na linha.

Chegamos finalmente no lugar, no meio do maldito mato. O esquadrão rapidamente sai do Helicóptero. Para que a pressa? Nada de bom vai sair desse lugar. Dou uns minutos antes de sair do veículo, e parece a pirada da Arlequina tem a mesma ideia. Olho para ela, sempre com aquele sorriso, bem na minha frente. Ela me irrita.

E não é que eu estava certo? Não deu nem cinco minutos e já tem tiros lá fora. Quando vou ver o que é, vejo maldito zumbi avançando para cima de mim. Pistoleiro atira nele e coloca o treco para morrer de vez.

Capitão Frio:
Espera que eu agradeça?

Nunca. Até porque, o maldito não deu conta do recado. O zumbi volta a se mexer e pior, evoluído. Puxo minha pistola de gelo.

Capitão Frio:
O inverno chegou mais cedo, aberração.

Atiro no zumbi, congelando-o por completo. Saio do Helicóptero e começo a atirar em todos os zumbis que estavam por aqui.

Deixe-me te contar uma coisa, nenhuma infestação zumbi iria durar muito, principalmente em um país onde o inverno é extremamente rigoroso. O corpo humano é basicamente água, e a água se congela. Quando a temperatura cai para congelamento os zumbis vão se tornar significativamente mais rígidos e um cadáver congelado não irá mais perseguir qualquer vítima. Isso sem falar que o congelamento não queima apenas a carne, com ele também a destrói. Então sim, os filmes de Zumbis estão mentindo para você, e o Walking Dead não duraria nem 4 estações do ano.

Então se tem alguém aqui perfeito para “matar” zumbis, esse alguém é o seu malvado favorito aqui.



_________________

Drako

Número de Mensagens : 1684
Idade : 27
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário http://www.ds-club.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Leo Rocha em Sex Set 02, 2016 12:09 pm

As criaturas estão se reerguendo. Isso não seria bom em nenhum cenário, muito menos no nosso atual.
Eu me distraio por um segundo tentando evitar que alguma das criaturas chegue até a nossa autópsia e quando olho de novo para Silêncio, o vejo sendo estrangulado pelo seu "paciente". Eu disparo no cotovelo da criatura, fazendo com que ele solte Silêncio e dando tempo para ele pôr em prática o seu disparo na ferida da criatura.
Eu vejo o Capitão Frio disparando nas criaturas e a trilha de sangue. Dois mais dois é igual a uma chance..

Arrow Frio, tente retardar o avanço deles! Precisamos dar o fora daqui e entender o que está havendo. Vamos seguir o rastro. Se tivermos algo próximo de sorte, vamos encontrar Flagg!

Armas a postos, eu espero pra saber se alguém se oferecerá para a função de rastreador.

_________________

Leo Rocha

Número de Mensagens : 4037
Idade : 37
Data de inscrição : 14/10/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Gláucio "Speedy" Gonzales em Sab Set 03, 2016 9:48 pm

De repente as criaturas começam a regenerar mais fortes do que antes...
Algo suficientemente dialético para o materialismo do mais erudito comunista ficar em parafuso...
Do que quer que os capitalistas estavam vindo atrás, é uma tecnologia biológica fantástica.

Ao sermos surpreendidos o médico gothanamita é o que esta na pior situação e nessa hora o Nemesis tenta atirar no cotovelo da criatura, eu tento fazer minha contribuição para o ataque dele ser mais eficiente e que não haja tempo da criatura regenerar, logo na sequência do tiro no cotovelo do monstro e da reação de Silêncio com suas armas eu me aproximo pegando instintivamente e sacando rápido minha faca cortando o braço que esta apertando o pescoço do médico de cima para baixo no mesmo lugar do disparo enquanto avanço correndo...

Decepar membros é algo que sei fazer bem.

Faço isso mesmo depois de Silêncio reagir, pois eu notei que as saraivadas de tiro talvez não serão o suficiente para deter o inimigo, apenas o retardar. Eu continuo correndo depois do golpe no meio disso eu tento com isso puxar o médico para longe do monstro. Tento leva-lo de modo que ele continue com as armas em punho mirando para Silêncio poder continuar atirando.

Logo depois do ataque me posiciono defensivamente, pronto para esquivar de contra-golpes que a criatura possa vir a fazer... Eu já me afasto tentando abrir espaço para ter como de algum modo carregar o doutor para longe do monstro e depois poder usar de novo minha arma.

_________________

Gláucio "Speedy" Gonzales

Número de Mensagens : 2485
Idade : 36
Data de inscrição : 19/01/2008

Ver perfil do usuário http://www.gonzalismoveloz.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Jor-El em Dom Set 04, 2016 9:19 pm

Claro que eles se regeneram. Sempre! Por que essas merdas não bastam parecer que saíram dum filme do George Romero. Explodo a cabeça de uma e ele continua a avançar. E melhor, o esquimó que ficou parado e quase morre ainda quer me peitar.

Pistoleiro: Basta se mover Não tô nesse ramo pra ser babá. Ainda mais de marmanjo barbado.

Nêmese falou algo importante. Se continuarmos nesse ritmo, vamos acabar nossa munição e essas coisas vão continuar a avançar. Temos que recuar e reagrupar. Eu começo a atirar contra eles enquanto tento me reunir com os outros, para que o grupo faça a evasiva toda de uma vez. O fogo de cobertura deve pelo menos retardar os bichos. Imagino que experiência fizeram dessa vez.

_________________

Jor-El

Número de Mensagens : 993
Idade : 26
Data de inscrição : 11/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Guima em Qua Set 07, 2016 11:14 am

Prestes a ser morto pela mão do zumbi em seu pescoço, Silencio sagazmente reproduz sua teoria na pratica. As balas de sua .45 especiais atravessam as carapaças do Zumbi atingindo um orgão vital. Ao destruir o Zumbi incha de tal maneira que implode jogando visceras, orgãos carne e sangue por todos os lados...

Antes que pudesse dizer aos outros o ponto fraco daquelas criaturas, o Capitão Frio decidiu saiu do helicoptero e "esfriar" o clima. De posse com sua inseparável pistola criogênica, Snart congelou por completo a criatura que estava proxima de si... Depois congelou os outros com relativa facilidade somente para os membros do Esquadrão como Nemesis, KgBesta e Cupido terminarem o serviço atirando nos congelados e os transformando-os em pequenos pedaços de gelo espalhados pelo chão.

Isso da tempo do Esquadrão respirar um pouco e conversarem entre si antes de continuarem com a misteriosa missão. Finalmente Arlequina sai do Helicoptero após a bagunça todo questionando...

Não deixaram nenhum monstrinho para mim? Seus maldosos... Eu me ofereço para ser o rastreador Nê-Me-Sis. Siga o sangue, é simples!

A arlequina toma a frente seguindo o rastro de sangue dentro da floresta. Na verdade, havia uma estrada feita de rastro de automoveis, provavelmente jipes no local. Uma indicação que aquela trilha não fora criada recentemente... Uns vinte minutos de caminhada tranquila sob o calor umido e tropical o Esquadrão encontra a instalação do laboratório mencionado por Waller. Um complexo de um tamanho de um campo de futebol criando um contraste abusivo no meio daquela floresta densa e "intocada". Qual seria o motivo de esconder um laboratorio quimico dentro de uma area verde em um territorio fora dos EUA. A Verdade estava lá dentro.

O rastro de sangue também terminava ali. Próximo a porta havia um teclado numérico com os dígitos manchado em sangue... o Sangue seco já mostrava que alguém tinha conseguido entrar. Arlequina tentou reproduzir os dígitos mas um barulho de emperramento impedia que a porta se abrisse. O local estava trancado e alguma coisa estava obstruindo as travas ou a porta havia sofrido alguma pane. Uma câmera colocada no teto se movimentava seguindo os movimentos da palhaça do crime, ela estava operativa mas infelizmente não dava para dizer se havia alguém do outro lado a vendo.


Porem antes de qualquer iniciativa ou plano para tentarem entrar no laboratorio, grunhidos e rugidos começam a ser ouvidos por todos... Não eram humanos, pareciam bestiais, animalescos...Primais. Os sons foram aumentando gradativamente causando uma cacofonia de runhidos, pareciam ecos... mas na verdade eram varios. Um bando de primatas saltando furiosamente pelas arvores com graça, rapidez e força. O maior deles cai por cima do parepeito da porta observando todos membros do Esquadrão de cima...

Spoiler:

Ele emite um rugido altissimo e oito macacos se jogam do alto das arvores caindo no chão cercando o esquadrão. Suas presas eram maiores que suas bocas e em seu corpo haviam rasgos sob a pela indicando que seus musculos haviam crescido de maneira assombrosa. Salivando de furia eles saltam na direção do grupo ferozmente com suas garras e presas em riste...

Spoiler:

_________________

Guima

Número de Mensagens : 2148
Idade : 31
Data de inscrição : 12/12/2009

Ver perfil do usuário http://www.remistico.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Gláucio "Speedy" Gonzales em Sex Set 16, 2016 1:58 pm

-России мать, mas o que esses porcos imperialistas criarram?

Olho vários atiradores ao meu redor. Tomo de novo a iniciativa atirando com a metralhadora, os reflexos deles não parecem tão bons.

-Que fazem parados atirem! Guerreiro gelado, atire e congele o metal da porta! Quebro ela em seguida... Os demais nos deem cobertura!

Avanço na direção da porta, aguardando para ver se o Capitão Frio irá ajudar nisso. E se os outros vão reagir a tempo contra os macacos.

_________________

Gláucio "Speedy" Gonzales

Número de Mensagens : 2485
Idade : 36
Data de inscrição : 19/01/2008

Ver perfil do usuário http://www.gonzalismoveloz.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão: Biotech is Godzilla

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 7:16 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum