[CENA 0] - PONTO DE CONVERGÊNCIA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[CENA 0] - PONTO DE CONVERGÊNCIA

Mensagem  Scorpion em Sex Nov 14, 2014 12:41 pm

[OFF]O Ponto de Convergência é a base espacial onde Cortana invocou os heróis. Sempre que eles retornarem das missões, eles irão ser transportados para esta área.
Sendo assim, sempre que a interação for fora das missões (salvo em casos especiais) ela será feita neste tópico.[/OFF]


Cortana ficou satisfeita de que todos ali pareciam dispostos a ajudá-la. Com exceção de Dante, todos se mostraram muito aptos a fazer o que fosse necessário para que o Multiverso não fosse destruído. Cortana respondeu as indagações de Dante prontamente.
Cortana: O maior ganho que você pode tirar é a sua própria existência, Dante. Você pode dizer que não se importa, mas ambos sabemos que não é verdade. Se o seu mundo deixar de existir, assim serão as memórias de Eva e de Vergil. Você tem a oportunidade de fazer algo para impedir isso, ou então pode voltar e esperar o seu apocalipse sentado. Mas não se engane... se não puder contar com você para isso, existe uma outra pessoa que analisamos e que também possui as características necessárias.
Então, uma holografia dá lugar à de Cortana, revelando uma certa pessoa que complicou Dante...


Cortana: A escolha é sua, Dante. Quer ser o herói, ou será que Virgil está mais apto para a missão?
Ver Cortana cogitar a possibilidade de Virgil ser mais habilidoso para o serviço mexeu com o orgulho de Dante. Isso somado à destruição das almas de sua família foram motivo o suficiente para Dante ver que desta vez, seria necessário deixar a cobiça de lado e abraçar o heroísmo, ao menos por enquanto.

Satisfeita com a reação de Dante, Cortana esboçou um sorriso, dando uma pista de que ela tinha reações humanas.
Ela então começou a explicar algumas missões.
Cortana: De todos os Oberaths desaparecidos, eu já monitorei 5. Estou enviando vocês para estas localidades. Nossos sistemas organizaram suas habilidades das formas que serão mais efeitivos em suas missões.
Ela sumiu, dando lugar a imagens dos heróis que ficavam girando, todos ligados a dezenas de dados analíticos. Apenas a voz de Cortana se fez e, quando ela falava o nome de algum dos heróis, a imagem do herói se aproximava, ficando maior e imagens do local onde iriam apareciam.

Cortana: Mário e Sonic, vocês serão enviados ao Castelo de Lucifer. Um dos fragmentos do Oberath está em sua posse e vocês devem recuperá-lo. Existe um herói que está tentando derrotar Lúcifer, para salvar a princesa Prin Prin. Talvez vocês possam se aliar a ele, se quiserem. Seu nome, é Arthur, o Cavaleiro.


Cortana: Terry Bogard e Zangief. Vocês serão transportados para uma dimensão de Metro City, esta tomada por uma gangue chamada como Mad Gear. Um grupo de justiceiros aliados ao prefeito da cidade tem se esforçado para manter a ordem, mas depois que o seu líder Rolento adquiriu um fragmento do Oberath, as coisas se complicaram. Sim, o Oberath possuem diversas qualidades, sendo uma delas o aumento incomum do poder do usuário. Entretanto, ela também faz com que o usuário fico louco pelo poder. Isso é uma característica que todos os fragmentos do Oberath compartilham. Tenham muito cuidado, pois ele não é mais um lutador ordinário.


Cortana: Ezio e Haohmaru. Vocês devem recuperar o Oberath das mãos de Shinnosuke Kagami. Este Oberath foi enviado até o Japão Feudal do período Bakumatsu. Este homem abriu os portões do inferno por julgar não ter oponentes à sua altura. Vocês devem recuperar o Oberath dele, antes que ele invoque forças maiores que o tomem e a situação se agrave.


Cortana: Donovan Baine e Dante, vocês terão uma tarefa difícil. Serão transportados para uma das realidades da Romênia, onde o Oberath é a nova fonte de poderes de seu ditador vampírico, Drácula. Por séculos a família Belmont confrontou e destruiu o vampiro. Porém, sua última encarnação adquiriu um fragmento do Oberath e isso desequilibrou a luta. Agora, o último remanescente da família, um homem conhecido como Richter Belmont encontra-se em apuros. Drácula é um dos inimigos mais poderosos a colocar as mãos em um dos fragmentos. Não o subestimem, pois, mesmo sem o Oberath, seus poderes já eram surpreendentes!


Cortana: Por último, Capitão Comando e Raiden. Vocês serão enviados para San Drad, em uma das Califórnias do Multiverso. Ali, uma nave com diversos alienígenas perigosos caiu e estão destruindo a população. Se algo não for feito, eles tomarão o controle do mundo. A nave caiu por ter sido atingida por um fragmento do Oberath, que fez com que a Rainha destes alienígenas se tornasse o maior predador que aquele mundo já viu. As pessoas do local tem tido a ajuda de uma outra raça de alienígenas, além de ciborgues especializados em bater aqueles aliens. Talvez vocês possam somar esforços.


Cortana: Por favor, vão para a área de deslocamento espacial. Se tiverem alguma dúvida, a hora de tirarem é agora. Outra coisa importante! Vocês não podem ficar tanto tempo em uma dimensão que não é a de vocês. Se isso acontecer, vocês podem perder suas identidades e começarem a fazer parte de outro mundo, sendo apagados das suas realidades de origem. Cada um de vocês também receberá um comunicador, que podem utilizar tanto para falarem comigo, quanto para comunicarem-se com alguém na mesma dimensão. Esses comunicadores também são a âncora de vocês para serem trazidos para o Ponto de Convergência. Guardem-nos com suas vidas.

Cortana aguardaria para ver se mais algum dos heróis teria alguma pergunta para ela e depois os transportaria.

[OFF]Cada dupla terá um tópico específico que já estou elaborando. Quando dois membros da dupla postarem, eu atualizarei, então duplas que fiquem sem postar acabarão por ficar para trás. Tentem não atrasar a vida do seu parceiro, ok? [/OFF]


Última edição por Scorpion em Sex Nov 14, 2014 3:05 pm, editado 1 vez(es)

_________________
avatar
Scorpion

Número de Mensagens : 2303
Idade : 31
Data de inscrição : 04/07/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [CENA 0] - PONTO DE CONVERGÊNCIA

Mensagem  Convidado em Sex Nov 14, 2014 3:01 pm

Ponto de Convergência

Cortana, a teragata apresenta a ficha de cada player, mas claro que nenhuma delas importa, apenas a do maioral Zangief.


Zang: Ei, eu peso mais que isso! Tem alguma coisa errada aí, não?

Mas é claro que tem! Como é possível um cara desse tamanho pesar só 116kg?! Já viu o tamanho de monstro?! O cara tem 2,13 de puro músculo! Tu acha que alguém ganha o apelido de homem dos músculos de ferro à toa?! Como ele só vai pesa só isso?! Que absurdo, já tão nerfando o  Ciclone Vermelho!

Cortana: Terry Bogard e Zangief. Vocês serão transportados para uma dimensão de Metro City, esta tomada por uma gangue chamada como Mad Gear. Um grupo de justiceiros aliados ao prefeito da cidade tem se esforçado para manter a ordem, mas depois que o seu líder Rolento adquiriu um fragmento do Oberath, as coisas se complicaram. Sim, o Oberath possuem diversas qualidades, sendo uma delas o aumento incomum do poder do usuário. Entretanto, ela também faz com que o usuário fico louco pelo poder. Isso é uma característica que todos os fragmentos do Oberath compartilham. Tenham muito cuidado, pois ele não é mais um lutador ordinário.

Zang: Oberath tsc... eu prefiro vodka.


Então a parada é parar essa gangue que anarco que tá tocando o terror na cidade. Sem problema, Zangief vai distribuir golpe comunista pra todo mundo.

Zang: Vamos lá, camarada. Eu vou aproveitar pra te ensinar alguns bons golpes e crescer uns músculos nesses seus ossos.

Zangief dá um tapinha nas costa de seu companheiro, ou como ele gosta de dizer, camarada, o problema é que ele não é a pessoa mais delicada do mundo, o cara luta diariamente com ursos, imagina só como deve ter sido essa gentil patada.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [CENA 0] - PONTO DE CONVERGÊNCIA

Mensagem  Leo Rocha em Sex Nov 14, 2014 5:01 pm

Capitão Comando olha para os presentes enquanto a mulher fala. Ele não se sente estranho com a situação. Estava acostumado com o inusitado em sua vida de super herói. Ele convivia com um ninja, uma múmia alienígena e um bebê geneticamente alterado... Combatentes criminosos mutantes ou ir a outra dimensão eram tão perigosos e heróicos quanto qualquer outra coisa na visão dele.
Ao ver quem será seu companheiro de missão, Comando se dirige a ele com um sorriso nos lábios e diz:

Arrow Será uma honra salvar os universos com você, meu amigo heróico!

Ele estende a mão para um comprimento e em seguida se vira para todo o grupo :

Arrow Companheiros, nós somos a esperança de nossos mundos e não falharemos porque somos heróis! Boa sorte a todos!

_________________
avatar
Leo Rocha

Número de Mensagens : 4076
Idade : 38
Data de inscrição : 14/10/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [CENA 0] - PONTO DE CONVERGÊNCIA

Mensagem  Ricardo Sato em Sex Nov 14, 2014 11:55 pm

Terry escuta com atenção as palavras de Cortana e percebe que ela escolheu a dedo seus "heróis",cada cenário parecia adequado a suas duplas mesmo considerando que não eram os mundos deles.
E isso era verdade para ele também,salvar o mundo na base da porrada contra gangues e caras malucos por poder era o que Bogard chamava de segunda feira.
Ele estrala o pescoço e os dedos das mãos enquanto a garota explica sua missão.

Okay isso aí gata,chamou o cara certo pro serviço,vamos acabar logo com isso que tem um daiquiri e uma loira numa praia me esperando.


Nesse momento seu companheiro vem lhe cumprimentar com palavras e um "tapinha" nas costas,claro que Terry segura a onda sem mexer,mas dava pra ver a força do golpe que o cara era casca grossa tipo o Maxíma.


Bela pancada cara,você tem um exoesqueleto ou bate em ursos por diversão? 
Hahaha,eu ia falar que já derrubei caras maiores mas seria mentira quem sabe depois do mundo salvo agente não testa estes seus golpes em grandão?
Mas primeiro coloca umas roupas cara,não estamos num ringue,não é muita coisa mais começa com isso aqui.


Terry tira o boné que tinha pegado "dele"mesmo e o entrega ao gigante com uma expressão divertida,estendendo a mão em um cumprimento amigável.

É vermelho cara,deve combinar.
Sei que você já leu ali na ficha mas deixa eu me apresentar direito,Terry Bogard,muito prazer.
Agora vamos que quanto mais rápido for mais rápido eu volto pras minhas férias.


Terry não desgostava de ninguém(exceto Geese),mas ficou mais tranquilo com a escolha de seu parceiro,já havia lutado com deuses e loucos mas ter ao seu lado um lutador era algo mais simples de entender.
Lembrava a Terry de quando Andy,Joe e ele apenas queriam testar suas forças e melhorar sua luta.

_________________
"Bom e mal, eles se apegam as memórias porque é tudo que tem."
"Eu viverei com este fato!Não você!"
avatar
Ricardo Sato

Número de Mensagens : 1239
Idade : 33
Data de inscrição : 06/03/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [CENA 0] - PONTO DE CONVERGÊNCIA

Mensagem  Jor-El em Sab Nov 15, 2014 12:47 am

Depois de ouvir, impacientemente, a explicação da mulher e dar uma checada no lugar. Eu concordo.

Sonic: Beleza. Tava sem fazer nada. Parece que vai ser divertido. Eu e o bigodinho partimos quando? To ansioso pra acabar logo com isso.

_________________
avatar
Jor-El

Número de Mensagens : 993
Idade : 26
Data de inscrição : 11/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [CENA 0] - PONTO DE CONVERGÊNCIA

Mensagem  Drako em Sab Nov 15, 2014 10:58 am

Blue, como eu a chamo agora porque já temos essa intimidade, disse que meu premio seria minha própria existência e se eu não quisesse aceitar esse trabalho ai, ela chamaria o Vergil. Pfff. O cuzão do meu irmão? Não só ele mesmo sabe que é mais fraco que eu, como já tomou uma surra minha. Mas perder as memórias que tenho com ele e minha mãe realmente não seria algo que eu gostaria.

Dante:
Ok, Blue. Você tem razão, seria uma perda irreparável ao multiverso se minha existência fosse apagada. To contigo nessa então.

Ai ela começa um show de luzes e explica pra gente onde cada dupla teria que ir. Sei que sou mais do que suficiente em qualquer cenário doido desse, mas é legal ter alguém pra conversar. Problema é que só tem cueca aqui, e um bicho falante, que não são meu tipo favorito de companhia. Enfim, meu cenário é o mais difícil, com um Drácula! Achei foda.

Dante:
Aham! Aham! Esse é o meu tipo de lugar, Blue! Vamo nessa, caladão! Cola em mim que tu brilha!

_________________
avatar
Drako

Número de Mensagens : 1690
Idade : 27
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário http://www.ds-club.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [CENA 0] - PONTO DE CONVERGÊNCIA

Mensagem  Convidado em Ter Nov 18, 2014 6:34 pm

Donovan não pode deixar escapar um leve suspiro ao ouvir as palavras de Cortana. Basicamente ele terá de caçar um vampiro em seu castelo e destrui-lo. Mais um dia normal em sua vida.
Que outros lidem com as grandes questões de poder sobre o Multiverso. Sua preocupação é aplacar o sangue maldito em seu interior e finalmente encontrar a paz, mesmo que para isso precise exterminar até o último amaldiçoado sob o céu.
As suas costas, Dhylec ressoa com sua própria resolução, pronta para entrar em ação e cumprir seu papel de guardião.
Um olhar para seu parceiro apontado por Cortana basta para ele avaliá-lo. Com certeza parece ser alguém determinado e poderoso, sem medo de agir e, principalmente, de falar. Aparentemente, o oposto do Caçador de Vampiros. Se por um lado não seria a dupla escolhida por ele, por outro os ensinamentos do Tao que os monges haviam lhe ensinado anos atrás podem se mostrar mais sábios do que ele pensava.

- Estou pronto, vamos a caça do vampiro.

Com um passo, segue Dante.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [CENA 0] - PONTO DE CONVERGÊNCIA

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum