DEFCON 3: Irmãos em armas

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: DEFCON 3: Irmãos em armas

Mensagem  Leo Rocha em Qui Abr 17, 2014 5:26 pm

Lanterna Verde:

 Arrow Tem ideia de quem é o dono desse lugar, Singhan? Precisamos saber com quem estamos lidando aqui... Fique por perto...

O policial indiano se vira para o Lanterna e diz:

 Arrow O armazém está registrado no nome de Michael Desai, um multimilionário especialista em tecnologia de ponta. Ele é um dos expoentes da nova Índia, um dos maiores responsáveis pelo nosso atual status de potência global.

Enquanto Singham fala, as sondas enviadas por Kyle registram os dados sobre os sistemas de lasers e de armas do armazém, bem como as câmeras que transmitem imagens de cada parte do local. O sistema, apesar de caro e bem preparado, parece ser básico, o que somado à identificação de algumas passagens secretas e ao grupo de robôs à frente deles, deixa Kyle em estado de alerta.

 Arrow Bem, pelo visto você tem a vantagem sobre nós... Quem é você, cara? Não sabe que é mal educado não se apresentar?

Uma risada é ouvida e a imagem aparece no monitor, confirmando a informação dada por Singham. O homem com feições indianas, de óculos escuros, terno bem cortado e careca sorri e diz:

 Arrow Perdoe a minha falha. Como vocês devem ter descoberto, meu nome é Michael Desai. Eu vim de muito longe pra cá. De outro universo, pra ser mais sincero. E meus conhecimentos me ajudaram a colocar a Índia no mapa mundial e ficar muito rico... é claro... No lugar de onde vim, eu era conhecido como Renegado, mas como aqui já temos uma equipe inteira agindo com esse nome, resolvi mudar meu nome pra evitar qualquer infração de direitos autorais, então, vocês podem me chamar de Âpóstada. Mas eu acho que já estou divagando um pouco, não é... Vocês devem estar se perguntando porque eu deixei que viessem até aqui, certo? Bom, eu coleciono ítens específicos e você, meu caro Lanterna possui um deles! Alguns o Calculador conseguiu para mim através de alguns de seus associados, mas todos tiveram medo de tentar pegar este em seu dedo, então quando percebi que estava interessado na minha Índia, mexi os pauzinhos pro nosso supertira receber a dica que traria vocês aqui. Então, espero que vocês se divirtam porque essa será sua última missão.

Os robôs começam a se mexer na direção dos heróis e iniciam ataques de acordo com suas características.

_________________
avatar
Leo Rocha

Número de Mensagens : 4076
Idade : 38
Data de inscrição : 14/10/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DEFCON 3: Irmãos em armas

Mensagem  Convidado em Sex Abr 18, 2014 2:56 am

Fausto estava se sentindo estranho, ultimamente seus poderes n tem respondido muito bem aos comandos, quase nada que pensava em fazer conseguia colocar realmente em pratica, um turbilhão de possibilidades aprecem em sua mente sobre o por que desses acontecimentos, sabia apenas q sua sorte e a do mundo inteiro repousava nas mãos de Diana e Kara.

Não vim antes pós tive de tentar resolver uma situação no satélite da liga, porém minha incompetência foi muito grande. trago informações que são vitais a vc agora Mulher Maravilha.  

enquanto Fausto olha as feições de Diana ponderava sobre o que era necessário e o que n era que ela soubesse, percebeu que ela precisava saber de tudo

Diana, há uma força destrutiva na terça, o mundo espiritual sente os mares da mudança e da destruição, vim como arauto do fim ou do principio, depende de como os interessados em mu aviso agirão.


Retirando os óculos e fixando os olhos brilhantes nos olhos de Diana

abra sua mente Diana, vou lhe mostrar tudo o que sei

depois de passar todas as informações para diana e para os Heróis ali presentes digo :

Precisamos ir a Gothan já, muitas vidas dependem disto.


notas:

considere que mostrei tudo oque sabia para Diana porém para os outros apenas a situação de Gothan e o perigo que os heróis de lá correm

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DEFCON 3: Irmãos em armas

Mensagem  Nasinbene em Sab Abr 26, 2014 6:52 pm

Kyle fica estarrecido... Outro universo? Justamente quando o Superboy Prime tinha fugido das ciencelas em Oa? Não podia ser coincidência. Muito provavelmente, esse tal de Apostada tinha algo a ver com a travessia de Prime... Bem, teria de descobrir isso depois. No momento, tinha problemas maiores pra se preocupar. Assim que termina de expor seu plano de capturar o anel de Kyle, os robos começam a se mover para atacar os heróis. Kyle olha para os robos e se dirige ao seu "anfitrião":

- Desculpa aí, cara, mas esse anel aqui não vai a lugar algum. Ce pode ser conseguido anéis dos Lanternas Verdes do seu universo, mas aqui a coisa é bem diferente. Kyle se volta então para o policial: - Esteja preparado pra pegar pesado, Singhan. Essa definitivamente não vai ser fácil...

Os robos avençavam e Kyle pensa em forma de utilizar o poder do anel para derrotá-los. Felizmente, quase tão grande quanto a força de vontade de Kyle era sua criatividade. Ele cria sobre si uma armadura inspirada em um antigo seriado japonês, ja que estava influenciado por toda aquela história de robos e policiais:


Tão logo a armadura está completa, Kyle decide equilibrar o jogo. Sob o capacete de sua recém-formada armadura, um sorriso se forma e ele diz:

- Robos, hein? Dois podem jogar esse jogo...

Concentrando o sua força de vontade, Kyle cria várias réplicas do Transformer Optimus Prime


Kyle acreditava que assim as coisas ficariam mais justas. Os robos de Kyle formam um semi-círculo em volta de Kyle e Singhan, um círculo de puro aço verde. Agora, era aguardar o próximo movimento dos robos e contra-atacar à altura...

_________________

avatar
Nasinbene

Número de Mensagens : 1232
Data de inscrição : 29/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DEFCON 3: Irmãos em armas

Mensagem  Leo Rocha em Qui Maio 01, 2014 10:13 am

Lanterna Verde:

Os robôs do Apostada investem contra a dupla de heróis e rapidamente os dois armam o contra-ataque: Kyle cria construtos robôs para enfrentar os robôs do Apostada e gera uma armadura robótica pra si também. Singham fica ao lado do Lanterna e se coloca em posição de cobertura.
Enquanto combate se desenrola, o galpão começa a ser lacrado eletronicamente. Singham olha para o Lanterna e diz:

 Arrow O que está acontecendo?

Os censores do anel energético identificam que as defesas do local foram ativadas e estão sendo lacradas. Identificam também a aparição de uma alta concentração de radiação no local, cuja origem pode ser identificada com a chegada de um ser conhecido do Lanterna Verde: Quimio.



No entanto, do monstro saía a voz de Desai também, dizendo:

 Arrow Como falei para vocês, tecnologia e armas me interessam muito. Esta é uma das minhas últimas aquisições. Esta criatura executa todos os comandos que eu lhe dou. E agora o que ela fará é exatamente obter o anel que está em sua mão Lanterna. Custe o que custar...

A criatura abre espaço entre os construtos disparando uma solução que dissolve partes de alguns deles e acertando golpes no que estiver à sua frente. Singham olha para o Lanterna e diz:

 Arrow Se você conhece essa criatura, acho que é uma boa idéia me dizer qual é o plano pra detê-la...


_________________
avatar
Leo Rocha

Número de Mensagens : 4076
Idade : 38
Data de inscrição : 14/10/2007

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DEFCON 3: Irmãos em armas

Mensagem  Convidado em Sab Maio 03, 2014 2:09 pm

Os sistemas de busca do Domo mostravam diversas situações pelo planeta inteiro: a suspeita de fabricação de metahumanos na Coreia do Norte; o ataque de zumbis a um estúdio em Hollywood; abalos sísmicos na África; a contenda entre diversos grupos de heróis e outros metahumanos em Gotham; e a confirmação de que o atentado que matou Lois Lane, entre outros crimes, ocorreu devido às pessoas envolvidas estarem sob controle de vermes, algo parecido ao que havia ocorrido com Aquaman.

Diana ainda esperava que Fausto se pronunciasse, mas estava preocupada em dividir a equipe para atender às necessidades impostas pelas situações: o grupo tinha funcionado de maneira efetiva, atuando de forma coesa e com todos juntamente focados. Além disso, a "perda" de Donna Troy foi um duro golpe, pois ela poderia estar à frente de uma parte da equipe, caso houvesse alguma divisão para atuar em mais de um campo.

Todas as dúvidas da princesa se dirimiram quando Fausto mostrou-lhe o que estava por vir:

- Grande Hera!! Grundy... seu corpo estava sob custódia da LJA, mas parece que não souberam lidar com ele... Espere: a LJA se encontra no satélite ou foi para Gotham?? Eu havia deixado Voodoo nas mãos de Ray Palmer, não sabemos do que ela é capaz!

Sobre as imagens de heróis se voltando uns contra os outros, Diana demonstrou frieza: sabia que os vermes poderiam estar por trás dessa possibilidade... mas também cogitou o racha que houve na LJA como razão para um provável conflito futuro... e nefasto!

- Não há mais tempo a perder, vamos para Gotham!!

Um dos vários pensamentos que permeavam a mente da amazona era: onde estava Batman, justamente no momento em que Gotham virava um inferno!?

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DEFCON 3: Irmãos em armas

Mensagem  Nasinbene em Qui Maio 29, 2014 10:24 pm

Enquanto voava entre robos e construtos usando sua armadura, Kyle é comunicado pelo anel da presença de Quimio, uma criatura um tanto quanto... limitada intelectualmente. Se ele estava ali, de algum forma o Apostada estava controlando ele. Isso logo se confirma pelo pronunciamento do próprio Apostada, que se mostra obstinado em tomar o anel de Kyle. Imediatamente, Kyle ordena ao anel que reforce suas defesas contra os poderes de Quimio, quando Singham o questiona sobre as capacidades e poderes de Quimio. Kyle então lhe diz:

- Cuidado com esse cara, Singham. Ele pode disparar diversos tipos de substâncias tóxicas e corrosivas. Fique longe dele, tenho um plano pra detê-lo...

Kyle sabia que se o Apostada estava controlando Quimio era por meio de alguma fonte externa, algo que podia ser rastreado. E é isso que ele faz: usa o anel pra varrer o espectro energético a procura de qualquer comprimento de onda comum a uma fonte e a Quimio. Assim que o anel comunicasse qual era essa frequencia, Kyle a interromperia, esperando que isso levaria Quimio a se voltar contra o Apostada por tê-lo escravizado...

_________________

avatar
Nasinbene

Número de Mensagens : 1232
Data de inscrição : 29/05/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: DEFCON 3: Irmãos em armas

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum